Do profetismo ao irrealismo pós-colonial: os impactos do mito na formação da cultura e da literatura portuguesa

Autores

  • Daniel Vecchio Alves UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.9771/2176-4794ell.v0i53.15221

Palavras-chave:

Romance, Alegoria, Profecia, Irrealismo.

Resumo

Nesse estudo, veremos que a narrativa mítica constitui-se como um dos veios psicanalíticos e nervosos mais profundos e representativos da cultura portuguesa, inclusive de sua literatura. Mas, desde Herculano, Garret e a Geração de 70 difundiu-se de fato um diagnóstico crítico e psiquiátrico que revela um Portugal doente, de vida coletiva embebida num imaginário épico alucinante. O que nos importa salientar aqui é que os mesmos diagnósticos imaginários de outrora foram chamados a atenção na avaliação da vida lusitana ao longo dos séculos XX e início do XXI, atendendo a diferentes anseios sociopolíticos, é claro. Nessa perspectiva, abordaremos os estudos de Eduardo Lourenço e Miguel Real que, além de constatarem a presença de “um irrealismo cultural existente entre o discurso oficial do Estado, dominante na imprensa escrita” (REAL, 2012), reconhecem a tradução desse aspecto no discurso literário, marca presente em muitos romances portugueses que consiste na representação alegórica de um discurso alucinatório, sugerindo uma reposição complexa dos cenários da história oficial de Portugal. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniel Vecchio Alves, UNICAMP

Daniel Vecchio Alves possui graduação em História (2010) pela Universidade Federal de Viçosa-MG (2010) e é mestre em Letras (Estudos Literários) pela mesma instituição (2013). Atualmente é doutorando em História Cultural pela Universidade Estadual de Campinas. Seu interesse abrange os estudos sobre História dos Imaginários, Teoria Literária, a Literatura Portuguesa de Viagens, a História e a Historiografia dos Descobrimentos, fazendo parte de grupos de pesquisa como o NEP (Núcleo de Estudos Portugueses da UFV) e o Mare Liberum (Centro de Estudos e Referências sobre a Cartografia Histórica da Unicamp).

Downloads

Publicado

2016-10-12

Como Citar

ALVES, D. V. Do profetismo ao irrealismo pós-colonial: os impactos do mito na formação da cultura e da literatura portuguesa. Estudos Linguísticos e Literários, Salvador, n. 53, p. 20–45, 2016. DOI: 10.9771/2176-4794ell.v0i53.15221. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/estudos/article/view/15221. Acesso em: 19 jan. 2022.

Edição

Seção

Estudos Literários