Corpos Dóceis: a Influência do Capital/Trabalho no Sistema Penitenciário

Autores

  • Diogo de Calasans Melo Andrae Universidade Mackenzie
  • Brian Gentil Fonseca UNIT
  • Francine Katarine de Assis Santos UNIT

DOI:

https://doi.org/10.9771/gmed.v10i3.26838

Palavras-chave:

Capital/trabalho, capitalismo contemporâneo, sistema penitenciário, dependência real, corpos dóceis.

Resumo

O presente artigo objetiva tratar da relação entre o capital e o trabalho no sistema carcerário para a formação de corpos dóceis em nossa sociedade. Com esse objetivo, imperiosa se faz a análise quanto à gênese do sistema carcerário em suas épocas, a relação entre o capital/trabalho e o proletariado – analisando as condições materiais para a sua formação – a dependência real que essa relação vem a causar na classe proletária, a visão de pensadores da crítica ao direito, a subsunção real e equivalência subjetiva, não sem antes tecer uma crítica ao direito para análise de fenômenos determinantes na relação intrínseca entre a forma jurídica e a forma mercantil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diogo de Calasans Melo Andrae, Universidade Mackenzie

Doutor em direito pela Mackenzie, mestre em direito pela UFS, advogado e professor do mestrado em direito da UNIT. site: www.diogocalasans.com e e-mail: contato@diogocalasans

Brian Gentil Fonseca, UNIT

Graduando em Direito pela Universidade Tiradentes. Aracaju – SE, Brasil. E-mail: direito.abolitio.brian@hotmail.com.

Francine Katarine de Assis Santos, UNIT

Graduanda em Direito pela Universidade Tiradentes. Aracaju – SE, Brasil. E-mail: francinedireitounit@gmail.com.

Referências

ARISTÓTELES. Ética a Nicômaco. Tradução de António de Castro Caeiro. São Paulo: Atlas, 2009.

CÍCERO, M. T. Da República. Tradução de Amador Cisneros. 2.ed. São Paulo: Edipro, 2011.

KELSEN, Hans. Teoria Pura do Direito. 8.ed. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

MARX, Karl. O Capital. Vol. 1. 3ª edição, São Paulo, Nova Cultural, 1988.

MARX, K. & ENGELS, F. A Ideologia Alemã. Trad. Castro e Costa, L. C. São Paulo: Martins Fontes, 2002.

MASCARO, Alysson. Introdução ao Estudo do Direito. 5.ed. São Paulo: Atlas, 2015.

MELOSSI, Dario e PAVARINI, Massimo. Cárcere e Fábrica. Rio de Janeiro: ICC: Revan, 2006.

NAVES, Márcio Bilharinho. Marxismo e direito: um estudo sobre Pachukanis, São Paulo, Boitempo, 2000.

_______________________. A questão do Direito em Marx. São Paulo: Outras Expressões, 2014.

PACHUKANIS, Evgeni. Teoria geral do Direito e marxismo. São Paulo: Boitempo, 2017.

SANTOS, Juarez Cirino. Direito penal: parte geral. 3.ed. Curitiba: Imprenta, 2008.

WACQUANT, Loïc. As Prisões da Miséria. 2.ed. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

Downloads

Publicado

2019-05-12

Como Citar

Andrae, D. de C. M., Fonseca, B. G., & de Assis Santos, F. K. (2019). Corpos Dóceis: a Influência do Capital/Trabalho no Sistema Penitenciário. Germinal: Marxismo E Educação Em Debate, 10(3), 204–215. https://doi.org/10.9771/gmed.v10i3.26838