REFLEXÕES SOBRE MARXISMO E PERSPECTIVA TEÓRICO-METODOLÓGICA PARA A PESQUISA EM POLÍTICAS EDUCACIONAIS.

Autores

  • Maria Jose Dozza Subtil Programa de Pós Graduação em Educação Universidade Estadual de Ponta Grossa

DOI:

https://doi.org/10.9771/gmed.v8i2.16439

Palavras-chave:

Políticas educacionais, Método dialético, Marxismo, Pesquisa

Resumo

 O artigo tem como objetivo apresentar a perspectiva teórico-metodológica para a pesquisa em políticas educacionais embasada nas formulações marxianas e marxistas.  Parte dos escritos de Marx   com referências específicas sobre o seu método de investigação (MARX, 1983, 2003, 2013) e de outros autores que interpretam e atualizam a sua produção (CHASIN, KOSIK, LUKÁCS).  Postula que nessa perspectiva as interpretações das políticas devem ser remetidas aos determinantes mais amplos da sociedade, em especial à estrutura econômica e à luta de classes. Conceitua a totalidade, a mediação e a contradição como   categorias metodológicas indispensáveis para a análise dos fatos. Afirma a prática social – o contexto práxico econômico, político, educacional, num dado tempo e espaço históricos -, como ponto de partida e de chegada de toda investigação e   critério de verdade na interpretação das possibilidades e limites das políticas educacionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Jose Dozza Subtil, Programa de Pós Graduação em Educação Universidade Estadual de Ponta Grossa

Professora da Pos Graduação em Educação Mestrado doutorado UEPG LP Historia e Políticas educacionais Bolsista Pesquisador Senior Fundação Araucária

Downloads

Publicado

2016-12-29

Como Citar

Subtil, M. J. D. (2016). REFLEXÕES SOBRE MARXISMO E PERSPECTIVA TEÓRICO-METODOLÓGICA PARA A PESQUISA EM POLÍTICAS EDUCACIONAIS. Germinal: Marxismo E Educação Em Debate, 8(2), 138–147. https://doi.org/10.9771/gmed.v8i2.16439