A África não é um continente inerentemente pobre

(ou Como a Europa subdesenvolveu a África)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.9771/aa.v0i67.55007

Resumo

Resenha de:
RODNEY, Walter. Como a Europa subdesenvolveu a África. São Paulo: Boitempo, 2022. 352 p.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Antonio Estevam Santos, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Doutorado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Professor da Universidade Internacional da Integração da Lusofonia Afro-brasiliera (BA) , Brasil.

Downloads

Publicado

2023-08-10

Como Citar

SANTOS, E. A. E. A África não é um continente inerentemente pobre: (ou Como a Europa subdesenvolveu a África). Afro-Ásia, Salvador, n. 67, p. 771–778, 2023. DOI: 10.9771/aa.v0i67.55007. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/afroasia/article/view/55007. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Resenhas