E se a casa-grande não fosse tão grande? Uma freguesia açucareira do Recôncavo Baiano em 1835

Autores

  • B. J. Barickman

DOI:

https://doi.org/10.9771/aa.v0i29-30.21055

Resumo

.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2003-01-27

Como Citar

BARICKMAN, B. J. E se a casa-grande não fosse tão grande? Uma freguesia açucareira do Recôncavo Baiano em 1835. Afro-Ásia, Salvador, n. 29-30, 2003. DOI: 10.9771/aa.v0i29-30.21055. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/afroasia/article/view/21055. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos