HISTÓRIA, TRABALHO E EDUCAÇÃO: COMENTÁRIO SOBRE AS CONTROVÉRSIAS INTERNAS AO CAMPO MARXISTA

Autores

  • Dermeval Saviani Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.9771/gmed.v3i2.9448

Palavras-chave:

história-trabalho-educação, controvérsias marxistas, consciência revolucionária, teoria revolucionária, estratégia revolucionária

Resumo

No debate do tema “História, trabalho e educação” no Brasil, o texto levanta para discussão as seguintes questões: por que as esquerdas, de modo geral, e os marxistas, em particular, timbram em cultivar divergências interpretativas sobre as mais variadas questões sejam elas de ordem teórica ou de ordem prática? Que implicações tem esse fenômeno para o avanço da consciência dos militantes e para a luta revolucionária?  Para o encaminhamento do debate o problema é examinado, num primeiro momento, tendo por referência os clássicos do marxismo para, num segundo momento, abordar as controvérsias em torno do tema central desse número da revista: história, trabalho e educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dermeval Saviani, Universidade Estadual de Campinas

Professor Emérito da UNICAMP, Pesquisador Emérito do CNPq e Coordenador Geral do Grupo de Estudos e Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil (HISTEDBR).

Downloads

Publicado

2012-06-22

Como Citar

Saviani, D. (2012). HISTÓRIA, TRABALHO E EDUCAÇÃO: COMENTÁRIO SOBRE AS CONTROVÉRSIAS INTERNAS AO CAMPO MARXISTA. Germinal: Marxismo E Educação Em Debate, 3(2), 4–14. https://doi.org/10.9771/gmed.v3i2.9448