Propriedade Intelectual, Registro e Transferência de Tecnologia: Estudo de Caso de cultivares de aveia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Autores

  • Patrícia Ziomkowski Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil https://orcid.org/0000-0002-9955-0074
  • Kelly Lissandra Bruch Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil
  • Giandra Volpato Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil https://orcid.org/0000-0002-2524-8868

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v15i1.44233

Palavras-chave:

Proteção de Plantas , Melhoramento de Plantas , Novas Variedades Vegetais.

Resumo

A proteção de novas variedades vegetais é pouco explorada pela literatura, embora seja fundamental ao agronegócio. Estudos sobre essa modalidade de propriedade intelectual são relevantes para sua melhor compreensão. Assim, o artigo analisa a proteção, o registro para a produção e comercialização e a transferência de tecnologia das cultivares de aveia da UFRGS a partir de estudo de caso do Programa de Melhoramento Genético de Aveia da Universidade. Como resultados, verifica-se que os melhoramentos da aveia contribuíram para a adaptação às condições de clima e ao solo brasileiro, a precocidade do ciclo de plantio, o maior rendimento e a qualidade industrial. Quanto à proteção e ao registro das cultivares, observa-se que as rotinas estão consolidadas pelos próprios melhoristas do Programa. Na área de transferência de tecnologia, contudo, identificam-se possibilidades de atuação em prospecção tecnológica, inteligência competitiva e delineamento de ações de marketing comercial para a divulgação das cultivares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Ziomkowski, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil

Mestra em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação, ponto focal IFRS, em 2021.

Kelly Lissandra Bruch, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil

Doutora em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul em 2011.

Giandra Volpato, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, Brasil

Doutora em Engenharia Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul em 2009.

Referências

ARAÚJO, José Cordeiro de. A Lei de Proteção de Cultivares: análise de sua formulação e conteúdo. Brasília, DF: Câmara dos Deputados, Edições Câmara, 2010. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/45513707_A_lei_de_protecao_de_cultivares_analise_de_sua_formulacao_e_conteudo. Acesso em: 23 nov. 2021.

AVIANI, Daniela de Moraes. Organizações coletivas para melhoramento vegetal: condicionantes de sua existência. 2014. 104p. Dissertação (Mestrado em Administração) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo (USP), São Paulo, 2014. Disponível em: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-03122014-151349/publico/DanieladeMoraesAviani.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

AVIANI, Daniela de Moraes; MACHADO, Ricardo Zanatta. Proteção de cultivares e inovação. In: BUAINAIN, Antônio Márcio; BONACELLI, Maria Beatriz Machado; MENDES, Cássia Isabel Costa Mendes (org.). Propriedade intelectual e inovações na agricultura. Brasília, DF; Rio de Janeiro: CNPq; FAPERJ; INCT/PPED; IdeiaD, 2015. 384p. p. 225-243. Disponível em: https://www.embrapa.br/busca-de-publicacoes/-/publicacao/1047036/propriedade-intelectual-e-inovacoes-na-agricultura. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Decreto n 2.366, de 5 de novembro de 1997. [1997a]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/1997/D2366.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Decreto n. 2.553, de 16 de abril de 1998. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D2553.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Decreto n. 10.586, de 18 de dezembro de 2020. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2019-2022/2020/Decreto/D10586.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Lei n. 9.456, de 25 de abril de 1997. [1997b]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9456.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Lei n. 10.711, de 5 de agosto de 2003. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/2003/L10.711.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRASIL. Lei n. 11.105, de 24 de março de 2005. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/lei/l11105.htm. Acesso em: 23 nov. 2021.

BRUCH, Kelly Lissandra; DEWES, Homero; VIEIRA, Adriana Carvalho Pinto. A propriedade industrial: dupla proteção ou proteções coexistentes sobre uma mesma planta. In: BUAINAIN, Antônio Márcio; BONACELLI, Maria Beatriz Machado; MENDES, Cássia Isabel Costa (ed.). Propriedade intelectual e inovações na agricultura. Rio de Janeiro: Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia – Políticas Públicas, Estratégias e desenvolvimento, 2015. p. 285-318. Disponível em: http://inctpped.ie.ufrj.br/pdf/livro/PI_e_Inovacoes_na_Agricultura.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

CARMO, Flávia Lima et al. Cultivares – o que são, como se apropriar, como consultar. In: SANTOS, Wagna Piler Carvalho. Conceitos e Aplicações de Propriedade Intelectual. Salvador: IFBA, 2019. Coleção PROFNIT, v. II. 531p. p. 349-399. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/193427. Acesso em: 23 nov. 2021.

CARVALHO, Sabrina Isabel Costa de; BIANCHETTI, Luciano de Bem; REIFSCHNEIDER, Francisco José Becker. Registro e proteção de cultivares pelo setor público: a experiência do programa de melhoramento de Capsicum da Embrapa Hortaliças. Horticultura Brasileira, [s.l.], v. 27, n. 2, p. 135-138, abr.-jun. 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362009000200002. Acesso em: 23 nov. 2021.

CNS – CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE. Resolução n. 510, de 7 de abril de 2016. Dispõe sobre a pesquisa em Ciências Humanas e Sociais. Brasília: Ministério da Saúde, 2016. Disponível em: http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2016/Reso510.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

CORDEIRO, Fabio Lima; ROMEIRO, Luiz Antonio Soares. O uso próprio de sementes salvas e suas relações com o direito de propriedade intelectual dos obtentores vegetais brasileiros. Cadernos de Prospecção, Salvador, v. 13, n. 4, p. 957-973, set. 2020. Disponível em: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38105. Acesso em: 23 nov. 2021.

CUNHA, Elza Angela Battaggia Brito da. O direito sobre novas variedades vegetais. In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília: MAPA, 2011. 206p. p. 23-26. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

FEDERIZZI, Luiz Carlos et al. Importância da cultura de aveia. In: LÂNGARO, Nadia Canali; CARVALHO, Igor Quirrenbach de (org.). Indicações técnicas para a cultura de aveia: XXXIV Reunião da Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia – Fundação ABC. Passo Fundo: Editora Universidade de Passo Fundo, 2014. p. 13-23. Disponível em: http://editora.upf.br/index.php/e-books-topo/44-agronomia-area-do-conhecimento/80-indicacoes-tecnicas-para-cultura-da-aveia#:~:text=A%20aveia%20%C3%A9%20cultivada%20como,bovinos%20de%20leite%20e%20como. Acesso em: 23 nov. 2021.

GARCIA, Selemara Berckembrock Ferreira. Empresas de Sementes – Contratos, defesa nos tribunais. In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília, DF: MAPA, 2011. 206p. p. 82-83. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

JUK, Yohanna Vieira; FUCK, Marcos Paulo. Appropriability Conditions and The Plant Variety Protection Law in Brazil. Journal of Technology Management & Innovation, Universidad Alberto Hurtado, Facultad de Economía y Negocios, [s.l.], v. 15, n. 3, p. 74-82, out. 2020a. Disponível em: https://www.jotmi.org/index.php/GT/issue/view/vol15-issue3-2020. Acesso em: 10 nov. 2020.

JUK, Yohanna Vieira; FUCK, Marcos Paulo. Questões sobre proteção de cultivares no Brasil. Cadernos de Ciência & Tecnologia, [s.l.], v. 37, n. 3, p. 1-14, 2020b. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/345628507_Questoes_sobre_protecao_de_cultivares_no_Brasil. Acesso em: 23 nov. 2021.

LEITE, Marcus Vinícius; CAMPOS, Silvana Rizza Ferraz. Aspectos legais de produção, comercialização e do uso de sementes no Brasil. In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília, DF: MAPA, 2011. 206p. p. 93-96. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

MACHADO, Ricardo Zanatta. Elaboração de diretrizes de distinguibilidade, homogeneidade e estabilidade (DHE). In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília, DF: MAPA, 2011. 206p. p. 121-142. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

MACHADO, Ricardo Zanatta; SANTOS, Fabrício Santana. Analisando a estabilidade. In: BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo. In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília, DF: MAPA, 2011. 206p. p. 183-185. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

MAPA – MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. Instruções para a execução dos ensaios de distinguibilidade, homogeneidade e estabilidade de cultivares de aveia (Avena spp). Brasília, DF: MAPA, 2002.

MAPA – MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. Sistema CultivarWeb. Brasília, DF: MAPA, 2021. Disponível em: http://sistemas.agricultura.gov.br/snpc/cultivarweb/. Acesso em: 23 nov. 2021.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento: Pesquisa qualitativa em saúde. 9. ed. São Paulo: Hucitec, 2009.

PÁDUA, Juliano Gomes. Recursos genéticos aplicados ao melhoramento genético de plantas. In: AMABILE, Renato Fernando; VILELA, Michelle Souza; PEIXOTO, José Ricardo (ed.). Melhoramento de plantas: variabilidade genética, ferramentas e mercado. Sociedade Brasileira de Melhoramento de Plantas. Brasília, DF: [s.n.], 2018. p. 25-32. Disponível em: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/185597/1/Melhoramento-de-plantas.pdf. Acesso em: 23 nov. 2020.

PRIMAVESI, Ana Cândida; RODRIGUES, Armando de Andrade; GODOY, Rodolfo. Recomendações técnicas para o cultivo de aveia. São Carlos: EMBRAPA Pecuária Sudeste, 2000. Disponível em: https://www.embrapa.br/busca-de-publicacoes/-/publicacao/45809/recomendacoes-tecnicas-para-o-cultivo-de-aveia. Acesso em: 23 nov. 2021.

ROOIJEN, Silvia van. Exercício do direito do titular da proteção. In: AVIANI, Daniela de Moraes; HIDALGO, José Antônio Fernandes (org.). Proteção de cultivares no Brasil. Brasília: MAPA, 2011. 206p. p. 73-78. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/insumos-agropecuarios/insumos-agricolas/protecao-de-cultivar/informacoes-publicacoes/livro-protecao-de-cultivares.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

SÁ, José Pedro Garcia. Utilização da aveia na alimentação animal. Londrina: IAPAR, 1995. Disponível em: https://www.bibliotecaagptea.org.br/zootecnia/nutricao/livros/UTILIZACAO%20DA%20AVEIA%20NA%20ALIMENTACAO%20ANIMAL.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

SANTOS, Nivaldo. O sistema de proteção das cultivares e desenvolvimento sustentável. In: DEL NERO, Patrícia Aurélia; PLAZA, Charlene Maria C. de Ávila. Proteção Jurídica para as Ciências da Vida: Propriedade Intelectual e Biotecnologia. São Paulo: Instituto Brasileiro de Propriedade Intelectual (IBPI), 2012. p. 173-200. Disponível em: http://superaparque.com.br/upload/20151014-041058-protecao-juridica-para-as-ciencias-da-vida.pdf. Acesso em: 23 nov. 2020.

SILVA, Eduardo José de Souza et al. Estimative of royalties: appropriation of gains provided by innovations associated with plant breeding. Research, Society and Development, [s.l.], v. 10, n. 13, p. 1-16, 2021. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/21497. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Decisão n. 16/2019, de 11 de janeiro de 2019. Porto Alegre: Conselho Universitário da UFRGS, 2019. Disponível em: http://www.ufrgs.br/consun/legislacao/documentos/dec-ndeg-016-2019/view. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Faculdade de Agronomia – Extensão. Porto Alegre: UFRGS, 2021. Disponível em: https://www.ufrgs.br/agronomia/joomla/index.php/pesquisa/95-eea. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Portaria n. 349, de 8 de fevereiro de 2002. Porto Alegre: Reitoria da UFRGS, 2002a. Disponível em: http://www.ufrgs.br/sedetec-intranet/pagina/legislacao/Portaria349-02.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Portaria n. 493, de 27 de fevereiro de 2002. Porto Alegre: Reitoria da UFRGS, 2002b. Disponível em: http://www.ufrgs.br/sedetec-intranet/pagina/legislacao/Portaria493-02.pdf. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. UFRGS licencia cultivar de semente de aveia para empresa internacional. Porto Alegre: UFRGS, 2020. Disponível em: http://www.ufrgs.br/ufrgs/noticias/ufrgs-licencia-cultivar-de-semente-de-aveia-para-empresa-internacional. Acesso em: 23 nov. 2021.

UFRGS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Vitrine de Competências. Porto Alegre: UFRGS, 2018. Disponível em: https://www.ufrgs.br/vitrinedecompetencias/2019/04/16/as-cultivares-da-ufrgs/. Acesso em: 23 nov. 2021.

Downloads

Publicado

2022-01-01

Como Citar

Ziomkowski, P., Bruch, K. L., & Volpato, G. (2022). Propriedade Intelectual, Registro e Transferência de Tecnologia: Estudo de Caso de cultivares de aveia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Cadernos De Prospecção, 15(1), 18–35. https://doi.org/10.9771/cp.v15i1.44233

Edição

Seção

Propriedade Intelectual, Inovação e Desenvolvimento