Sistemas de Busca de Patentes: análise comparativa entre Espacenet, Patentscope, Google Patents, Lens, Derwent Innovation Index e Orbit Intelligence

Autores

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v13i1.35147

Palavras-chave:

Bases de dados de patentes, Sistemas de busca de patentes, Informação Tecnológica, Informação

Resumo

Os sistemas de busca de patentes são cruciais para analisar as tecnologias inovadoras, o estado da técnica e para monitorar concorrentes e identificar parceiros de transferência de tecnologia, entre outros. Aqui se apresenta a análise comparativa de seis sistemas de busca de patentes: Espacenet, Patentscope, Google Patents, Lens, Derwent Innovation Index e Orbit Intelligence. Foram considerados 13 critérios de tipos de acesso, mecanismos e ferramentas de busca, cobertura da base e ferramentas de análise estatística. Seguidamente, foram comparadas oito classificações internacionais. Concluiu-se que, em busca de dados de patentes utilizando códigos de classificações internacionais, os sistemas gratuitos, como o Lens, têm conseguido resultados muito próximos aos de sistemas pagos. Observou-se que o Orbit se destaca em ferramentas de análises estatísticas e de exportação de dados de patentes, abrangência de documentos, ferramentas de interpretação dos dados e facilidades de exportação, constituindo o mais adequado para as demandas de uso em programas de pós-graduação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edilson Araújo Pires, UFRB

Doutor e Mestre em Ciência da Propriedade Intelectual pela Universidade Federal de Sergipe (UFS), Especialização de Psicopedagogia Licenciatura em História pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Tem formação complementar em Gestão de Projetos, Empreendedorismo, Gestão de Agências de inovação, Estruturação dos Núcleos de Inovação Tecnológica e Patentes e Busca de Anterioridade. Professor Cursos de pós-graduação EaD na UFRB e em graduações na Faculdade de Ciências e Empreendedorismo (FACEMP). É coordenador da Coordenação de Criação e Inovação da UFRB (CINOVA). Atua principalmente nos seguintes temas: Educação, Empreendedorismo e Inovação, Propriedade Intelectual, Prospecção Tecnológica, Gestão da Inovação, Indicadores de CT&I, Produção Científica e NITs.

Nubia Moura Ribeiro, IFBA

Possui graduação em Engenharia Química pela Universidade Federal da Bahia (1983), mestrado em Química de Produtos Naturais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1987) e doutorado em Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004). É professora do Instituto Federal da Bahia (cedida à UNILAB) e do Doutorado em Difusão do Conhecimento, em parceria com a UFBA. Foi Diretora do Campus de São Francisco do Conde da UNILAB, Pro-reitora de Pesquisa e Pós-Garduação do IFBA, Coordenadora da câmara Interdisciplina da FAPESB. Tem experiência na área deQuímica, Educação, Inovação, Propriedade Intelectual e Gestão do Conhecimento, atuando principalmente nos seguintes temas: propriedade intelectual, gestão da inovação, gestão social do conhecimento, educação em química, biodiesel e cromatografia.

Cristina M. Quintella, UFBA

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7897779819494573
  • ID Lattes: 7897779819494573

Referências

CARRARA, P.; RUSSO, D. Patent searches opinion: How to minimize the risk when reviewing patent applications. World Patent Information, [S.l.], v. 49, p. 43-51, 2017. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0172219016301016. Acesso em: 10 fev. 2018.

CERNY, J. Open Access Intellectual Property Systems: A Comparison to Commercial Solutions in Competitive Intelligence. Journal of Systems Integration, [S.l.], v. 7, n. 3, p. 16, 2016. Disponível em: https://search.proquest.com/openview/d1fad08f1d4925719733103114e0c939/1?pq-origsite=gscholar&cbl=2032453. Acesso em: 10 fev. 2018.

CLARIVATE ANALYTICS. Derwent Innovation Index Ajuda. 2018. Disponível em: https://images.webofknowledge.com/WOKRS512B4/help/pt_BR/DII/hs_international_patent_classification.html. Acesso em: 27 fev. 2018.

EPO – EUROPEAN PATENT OFFICE. Office Contents and coverage of the DOCDB bibliographic file. 2018. Disponível em: https://www.epo.org/searching-for-patents/data/coverage.html. Acesso em: 27 fev. 2018.

EPO – EUROPEAN PATENT OFFICE. Patents families. 2017a. Disponível em: https://www.epo.org/searching-for-patents/helpful-resources/first-time-here/patent-families.html. Accesso em: 25 March 2019.

EPO – EUROPEAN PATENT OFFICE. Espacenet Resource Book 2.1, 2017b. Disponível em: https://www.epo.org/searching-for-patents/technical/espacenet.html#tab-1. Acesso em: 28 jan. 2018.

FRANÇA, R. O. Patente como fonte de informação tecnológica. Perspectivas em ciência da informação, [S.l.], v. 2, n. 2, p. 235-264, 1997. Disponível em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/636. Acesso em: 1º jun. 2018.

GRILICHES, Z. Patent statistics as economic indicators: a survey. In: GRILICHES, Z. R&D and productivity: the econometric evidence. University of Chicago Press, 1998. p. 287-343. Disponível em: http://www.nber.org/chapters/c8351.pdf. Acesso em: 13 dez. 2017.

GUERREIRO, E. S. et al. Análise de documentos de patentes sobre copaíba: uma comparação entre fontes de dados. Cadernos de Prospecção, Salvador, v.11, n.1, p. 26-40, 2018. Disponível em: https://portalseer.ufba.br/index.php/nit/article/view/22725. Acesso em: 13 dez. 2017.

JÜRGENS, B.; CLARKE, N. Study and comparison of the unique selling propositions (USPs) of free-to-use multinational patent search systems. World Patent Information, [S.l.], v. 52, p. 9-16, 2018. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0172219017300856. Acesso em: 25 abr. 2018.

JÜRGENS, B.; HERRERO-SOLANA, V. Espacenet, Patentscope and Depatisnet: a comparison approach. World Patent Information, [S.l.], v. 42, p. 4-12, 2015. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0172219015000460. Acesso em: 22 fev. 2018.

JÜRGENS, B.; HERRERO-SOLANA, V. Patents from Latin America and Spain with Latipat: Country coverage and ability to search for emerging topics like nanotechnology. World Patent Information, [S.l.], v. 46, p. 1-8, 2016. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0172219016300345. Acesso em: 22 fev. 2018.

KULP, C. S. Patent Databases. A Survey of What Is Available from DIALOG, Questel, SDC, Pergamon and INPADOC. Database, [S.l.], v. 7, n. 3, p. 56-72, 1984. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ304514. Acesso em: 20 jan. 2018.

STOCK, M.; STOCK, W. G. Intellectual property information: A comparative analysis of main information providers. Journal of the Association for Information Science and Technology, [S.l.], v. 57, n. 13, p. 1.794-1.803, 2006. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/full/10.1002/asi.20498. Acesso em: 27 jan. 2018.

STOCK, M.; STOCK, W. G. Intellectual property information. A case study of Questel-Orbit. Information Services & Use, [S.l.], v. 25, n. 3-4, p. 163-180, 2005. Disponível em: https://content.iospress.com/articles/information-services-and-use/isu469. Acesso em: 27 jan. 2018.

TEIXEIRA, R. C.; SOUZA, R. R. O uso das informações contidas em documentos de patentes nas práticas de Inteligência Competitiva: apresentação de um estudo das patentes da UFMG. Perspectivas em Ciência da Informação, [S.l.], v. 18, n. 1, p. 106-125, mar. 2013. ISSN 19815344. Disponível em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/844. Acesso em: 2 jun. 2018.

WIPO – WORLD INTELLECTUAL PROPERTY ORGANIZATION. Coleção nacional: dados completos, 2018a. Disponível em: https://patentscope.wipo.int/search/pt/help/data_coverage.jsf. Acesso em: 28 jan. 2018.

WIPO – WORLD INTELLECTUAL PROPERTY ORGANIZATION. Guide to the International Patent Classification, 2018b. Disponível em: www.wipo.int/export/sites/www/classifications/ipc/en/guide/guide_ipc.pdf. Acesso em: 28 jan. 2018.

Downloads

Publicado

2020-03-27

Como Citar

Pires, E. A., Ribeiro, N. M., & Quintella, C. M. (2020). Sistemas de Busca de Patentes: análise comparativa entre Espacenet, Patentscope, Google Patents, Lens, Derwent Innovation Index e Orbit Intelligence. Cadernos De Prospecção, 13(1), 13. https://doi.org/10.9771/cp.v13i1.35147

Edição

Seção

Propriedade Intelectual, Inovação e Desenvolvimento