Revisão Sistemática da Literatura de Competências Profissionais para Inovação: uma análise dos últimos 10 anos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v14i3.33456

Palavras-chave:

Competências, Inovação, Educação.

Resumo

As competências desempenham papel central nos sistemas de inovação e na dinâmica do crescimento econômico, tanto que políticas de inovação tratam do desenvolvimento de competências como questão estratégica. A capacidade inovadora, apesar de ser uma habilidade individual, aplicada em conjunto, transforma as empresas e a sociedade em que trabalham mais competitivas. O presente estudo é caracterizado por uma revisão sistemática da literatura que objetiva identificar quais competências são necessárias para que o trabalhador desenvolva alguma inovação. A pesquisa realizada se baseou em 130 estudos para descobrir quais competências são necessárias para que um trabalhador desenvolva alguma inovação. Os resultados indicam não existir um consenso sobre quais seriam de fato as competências profissionais para inovar, considerando que a própria competência, assim como a própria inovação são fenômenos altamente contextuais e que há lacunas na literatura sobre como um indivíduo pode aprendê-las dentro de um processo de ensino-aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pedro Henrique Oliveira Silva, Universidade Federal de Alagoas

Mestre em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação pela Universidade Federal de Alagoas em 2019.

Ibsen Mateus Bittencourt, Universidade Federal de Alagoas

Doutorado em Administração de Empresas pela Mackenzie em 2016.

Referências

ANTONIOLI, Davide; MANZALINI, Rocco; PINI, Paolo. Innovation, workers skills and industrial relations: Empirical evidence from firm-level Italian data. The Journal of Socio-Economics, [s.l.], v. 40, n. 3, p. 312-326, 2011.

AVVISATI, Francesco; JACOTIN, Gwenaël; VINCENT-LANCRIN, Stéphan. Educating higher education students for innovative economies: what international data tell us. Tuning Journal for Higher Education, [s.l.], v. 1, n. 1, p. 223-240, 2014.

BAMBIRRA ASSUNÇÃO, Yluska. Qualificação Profissional ou Competências para o Mercado Futuro? Future Studies Research Journal: Trends & Strategies, [s.l.], v. 8, n. 1, 2016.

BARBOSA, Allan Claudius Queiroz; CINTRA, Leandro Pinheiro. Inovacao, competencias e desempenho organizacional--articulando construtos e sua operacionalidade. Future Studies Research Journal: Trends and Strategy, [s.l.], v. 4, n. 1, p. 31-72, 2012.

BAYARRI, Lucia Ramirez; MARIN-GARCIA, Juan A.; ATARES-HUERTA, Lorena. How has been assessed the innovation competency in companies and universities? WPOM-Working Papers on Operations Management, [s.l.], v. 7, n. 2, p. 140-167, 2016.

BORRAS, Susana; EDQUIST, Charles. Education, training and skills in innovation policy. Science and Public Policy, [s.l.], v. 42, n. 2, p. 215-227, 2014.

BROWN, Alan. Developing career adaptability and innovative capabilities through learning and working in Norway and the United Kingdom. Journal of the Knowledge Economy, [s.l.], v. 6, n. 2, p. 402-419, 2015.

CELIK, Pinar et al. Work-related curiosity positively predicts worker innovation. Journal of Management Development, [s.l.], v. 35, n. 9, p. 1.184-1.194, 2016.

COBO, Cristobal. Skills for innovation: Envisioning an education that prepares for the changing world. Curriculum Journal, [s.l.], v. 24, n. 1, p. 67-85, 2013.

DIAS, Casimiro; ESCOVAL, Ana. Narrowing the Skills Gap for Innovation: An Empirical Study in the Hospital Sector. JMIR human factors, [s.l.], v. 1, n. 1, p. e1, 2014.

DO AMARAL, Sérgio Ferreira et al. O Ensino de Engenharia e Competências para Inovação: uma proposta inicial. In: XLIV CONGRESSO BRASILEIRO DE EDUCAÇÃO EM ENGENHARIA – COBENGE 2016. Natal, RN, 2016. Anais […].Natal, RN, 2016.

HERO, Laura-Maija; LINDFORS, Eila; TAATILA, Vesa. Individual Innovation Competence: A Systematic Review and Future Research Agenda. International Journal of Higher Education, [s.l.], v. 6, n. 5, p. 103-121, 2017.

KEINÄNEN, Meiju; URSIN, Jani; NISSINEN, Kari. How to measure students’ innovation competences in higher education: Evaluation of an assessment tool in authentic learning environments. Studies in Educational Evaluation, [s.l.], v. 58, p. 30-36, 2018.

KITCHENHAM, Barbara. Procedures for performing systematic reviews. Keele, UK, Keele University, [s.l.], v. 33, n. 2004, p. 1-26, 2004.

MICHAELIS, Timothy L.; MARKHAM, Stephen K. Innovation Training: Making Innovation a Core Competency A study of large companies shows that, although managers see human capital as central to innovation success, most aren’t providing innovation training. Research-Technology Management, [s.l.], v. 60, n. 2, p. 36-42, 2017.

MULROW, Cynthia D. Systematic reviews: rationale for systematic reviews. Bmj, [s.l.], v. 309, n. 6954, p. 597-599, 1994.

SAMPAIO, R. F.; MANCINE, M. C. Estudos de revisão sistemática: um guia para síntese criteriosa da evidência científica. Brazilian Journal of Physical Therapy, [s.l.], v. 11, n. 1, Fev. 2007. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1413-355520070001000132007. Acesso em: 7 jul. 2021.

SETSER, B.; MORRIS, H. Building a Culture of Innovation in Higher Education: Design & Practice for Leaders – Emerging Lessons and a New Tool. 2Revolutions, EDUCAUSE, April, 2015.

SORIANO, Domingo Ribeiro et al. Higher education and the development of competencies for innovation in the workplace. Management Decision, [s.l.], 2012.

TISSOT, Philippe. Terminology of vocational training policy: A multilingual glossary for an enlarged Europe. Luxembourg: Cedefop, 2004.

TONER, Phillip. Workforce skills and innovation. Paris: OCDE, 2011.

TONER, Phillip. Workforce skills and innovation: An overview of major themes in the literature. 2011.

VINCENT‐LANCRIN, Stéphan. Innovation, Skills, and Adult Learning: two or three things we know about them. European Journal of Education, v. 51, n. 2, p. 146-153, 2016.

YOGUEL, Gabriel; BARLETTA, Florencia; PEREIRA, Mariano. De Schumpeter a los postschumpeterianos: viejas y nuevas dimensiones analíticas. Problemas del Desarrollo, [s.l.], v. 44, n. 174, p. 35-59, 2013.

Downloads

Publicado

2021-10-01

Como Citar

Oliveira Silva, P. H., & Bittencourt, I. M. (2021). Revisão Sistemática da Literatura de Competências Profissionais para Inovação: uma análise dos últimos 10 anos. Cadernos De Prospecção, 14(4), 1130–1144. https://doi.org/10.9771/cp.v14i3.33456

Edição

Seção

Propriedade Intelectual, Inovação e Desenvolvimento