Estudo Sobre Indicadores de Produção Científica Versus Produção Tecnológica na Universidade Estadual de Maringá

Autores

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v12i4.32767

Resumo

Atualmente existem muitas discussões acerca da pesquisa científica e inovação e sobre como esses termos se interrelacionam dentro da universidade. Neste sentido, considerando-se que seja importante promover reflexões sobre mecanismos de apropriação do conhecimento produzido nas universidades para sua conversão em inovação para a sociedade, o objetivo deste trabalho foi avaliar a produção científica e tecnológica na Universidade Estadual de Maringá. A metodologia utilizada consistiu numa pesquisa documental em bases de dados científicas e bancos de patentes do portal de periódicos eletrônicos da Capes, considerando-se para as buscas o período de 2008-2018. Os resultados apontaram que existe um hiato entre produção tecnológica e produção científica, observando-se que o número de depósitos de pedidos de patentes está muito aquém do número de documentos científicos produzidos. Conclui-se que, apesar do arcabouço legal e dos incentivos à inovação, a universidade ainda apresenta uma cultura acadêmica de baixa proteção de suas invenções.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edione Magalhães Motta, Universidade Estadual de Maringá

Mestre em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação pela Universidade Estadual de Maringá-PR. Graduada em Administração com MBA em Gestão Estratégica de Negócios e especialista em Educação Profissional com habilitação para docência. Possui grande experiência profissional em gestão administrativa financeira. Atuou no Programa Agentes Locais de Inovação pelo Sebrae/CNPq trabalhando com inovação e gestão em um portfólio de 58 empresas de pequeno porte. É empreendedora e atualmente atua como consultora empresarial nas áreas de inovação e planejamento estratégico, nas quais também é credenciada junto ao Sebrae Nacional. Ministra cursos e palestras sobre Prospecção Tecnológica e Patentes.

José Roberto Dias Pereira, Universidade Estadual de Maringá

Graduado em Física pela Universidade Estadual de Maringá (1994), mestrado em Física pela Universidade Estadual de Campinas (1997) e doutorado em Física pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Estágio na área de instrumentação, na Marquette University (2002). Atualmente é professor adjunto da Universidade Estadual de Maringá. Tem experiência na área Eletrônica Digital, Microcontroladores e Física com ênfase em Propriedades Térmicas da Matéria Condensada, atuando principalmente nos temas Instrumentação industrial, automação industrial, Eletrônica de potência, lasers, ultra som, líquidos super crítico, Cristal líquido e líquidos em geral, eletrônica embarcada, transformadores cerâmicos e aquecimento de indução magnética.

Referências

BRASIL. Lei n. 9.279, de 14 de maio de 1996. Regula direitos e obrigações relativos à propriedade industrial. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9279.htm. Acesso em: 04 out. 2018.

BRASIL. Lei n. 10.973, de 2 de dezembro de 2004. Dispõe sobre incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, v. 3, 2004. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.973.htm. Acesso em: 04 out. 2018.

CARVALHO, H. G.; REIS, D. R.; CAVALCANTE, M. B. Gestão da inovação. Curitiba-PR: Aymará Educação, 2011.

CATIVELLI, A. S.; LUCAS, E. O. Patentes universitárias brasileiras: perfil dos inventores e produção por área do conhecimento. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 21, n. 47, p. 67-81, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/viewFile/1518-2924.2016v21n47p67/32342. Acesso em: 28 jun. 2018.

CROSS, Di; THOMSON, Simon; SINCLAIR, Alexandra. Research in Brazil: a report for CAPES by Clarivative Analytics. Clarivative Analytics, 2017. Disponível em: http://www.capes.gov.br/images/stories/download/diversos/17012018-CAPES-InCitesReport-Final.pdf. Acesso em: 05 jul. 2019.

DE BES, F.; KOTLER, P. A bíblia da inovação. São Paulo: Leya, 2011.

DERWENT INOVATTION INDEX [Base de dados – Internet]. Portal de Periódicos Capes; 2019. Disponível em: http://www-periodicos-capes-gov-br.ez79.periodicos.capes.gov.br/?option=com_plogin&ym=3&pds_handle=&calling_system=primo&institute=CAPES&targetUrl=http://www-periodicos-capes-gov-br.ez79.periodicos.capes.gov.br&Itemid=155&pagina=CAFe. Acesso em: 05 jul. 2019.

GARNICA, Leonardo Augusto; OLIVEIRA, Rodrigo Maia de; TORKOMIAN, Ana Lúcia Vitale. Propriedade intelectual e titularidade de patentes universitárias: um estudo piloto na Universidade Federal de São Carlos-UFSCar. Anais [...] XXIV Simpósio de Gestão da Inovação Tecnológica, 2006. Disponível em: http://www.anpad.org.br/admin/pdf/DCT456.pdf. Acesso em: 14 jun. 2019.

GAO, X. WEI, C. PENG, X. XIAOYAN, C. Technology transferring performance of Chinese universities: Insights from patent licensing data. Advances in Applied Sociology, v. 4, n. 12, p. 289, 2014. Disponível em: https://file.scirp.org/Html/4-2290229_52511.htm#p300. Acesso em: 09 nov. 2018.

GIMENEZ, A. M. N.; BONACELLI, M. B. M. Repensando o Papel da Universidade no Século XXI: Demandas e Desafios. Revista Tecnologia e Sociedade. v. 9, n. 18, 2013. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=496650340006. Acesso em: 05 jul. 2019. ISSN 1809-0044

JORGE, M. F.; LOPES, F. V.; ASSIS, F. L.; TRAVASSOS, G.; FREITAS, V.; NONATO, A. C.; ORIND, V.; CARVALHO, S. P. Indicadores de Propriedade Industrial 2018. Rio de Janeiro: Instituto Nacional da Propriedade Industrial - INPI, 2018. Disponível em: http://www.inpi.gov.br/sobre/estatisticas/arquivos/pagina-inicial/indicadores-de-propriedade-industrial-2018_versao_portal.pdf. Acesso em: 05 jul. 2019.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Metodologia científica. São Paulo: Atlas, 2006.

MARTINS, W. H. Produção científica-Publicação versus patente: o caso CPGEI-UTFPR. 2010. Disponível em: http://www.pg.utfpr.edu.br/dirppg/ppgep/dissertacoes/arquivos/145/Dissertacao.pdf. Acesso em: 29 jun. 2018

MCTI - MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÕES E COMUNICAÇÕES. Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação. 2017. Disponível em: https://www.mctic.gov.br/mctic/export/sites/institucional/indicadores/arquivos/Indicadores-2017.pdf. Acesso em: 27 set. 2018.

MUELLER, S. P. M.; PERUCCHI, V. Universidades e a produção de patentes: tópicos de interesse para o estudioso da informação tecnológica. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 19, n. 2, p. 15-36, 2014. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/pci/v19n2/03.pdf> Acesso em: 05 jul. 2019.

NARIAI, N. L.; AMARANTE, J. M. Obstáculos e Facilidades no Acesso ao Crédito pelas Empresas Incubadas na Incubadora Tecnológica de Maringá. Revista de Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia, v. 4, n. 2, p. 82-101, 2017. Disponível em: https://seer.imed.edu.br/index.php/revistasi/article/view/2406/1713. Acesso em: 02 mar. 2019.

NATIONAL SCIENCE BOARD (US). Science & engineering indicators. National Science Board, 2018. Disponível em: https://www.nsf.gov/statistics/2018/nsb20181/digest/sections/preface# Acesso em 27 set. 2018

NEVES, D. P.; MANÇOS, G. Índice de universidades empreendedoras. São Paulo: Brasil Júnior, 2016. Disponível em: https://d335luupugsy2.cloudfront.net/cms%2Ffiles%2F19855%2F1480366506Livro+PDF+arrumado4.pdf. Acesso em: 02 mar. 2019.

NUNES, M. A. S. N.; CAZELLA, S. C.; PIRES, E. A.; RUSSO, S. L. Discussões sobre produção acadêmico-científica & produção tecnológica: mudando paradigmas. Revista GEINTEC-Gestão, Inovação e Tecnologias, v. 3, n. 2, p. 205-220, 2013. Disponível em: http://www.revistageintec.net/index.php/revista/article/view/122. Acesso em: 03 ago. 2018.

NUNES, J. S.; OLIVEIRA, L. G. Universidades Brasileiras - Utilização do Sistema de Patentes de 2000 a 2004. Instituto Nacional da Propriedade Industrial, 2007. Disponível em: http://www.inpi.gov.br/menu-servicos/informacao/arquivos/universidades_brasileiras.pdf. Acesso em: 04 out. 2018.

TIDD, J.; BESSANT, J.; PAVITT, K. Gestão da inovação. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2009.

WEB OF SCIENCE [Base de dados – Internet]. Portal de Periódicos Capes; 2019. Disponível em: http://www-periodicos-capes-gov-br.ez79.periodicos.capes.gov.br/?option=com_plogin&ym=3&pds_handle=&calling_system=primo&institute=CAPES&targetUrl=http://www-periodicos-capes-gov-br.ez79.periodicos.capes.gov.br&Itemid=155&pagina=CAFe. Acesso em: 05 jul. 2019.

Downloads

Publicado

2019-12-28

Como Citar

Motta, E. M., & Pereira, J. R. D. (2019). Estudo Sobre Indicadores de Produção Científica Versus Produção Tecnológica na Universidade Estadual de Maringá. Cadernos De Prospecção, 12(4), 795. https://doi.org/10.9771/cp.v12i4.32767

Edição

Seção

Propriedade Intelectual, Inovação e Desenvolvimento