Análise e Monitoramento das Tecnologias Desenvolvidas para Aplicação do Ácido Ascórbico como Conservante Natural

Autores

  • Jacyelli Cardoso Marinho dos Santos Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil
  • Alain Charles de Melo Alves Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil
  • Jose Nilton Silva Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v12i5.27258

Palavras-chave:

Ácido Ascórbico, Conservante Natural, Prospecção Tecnológica.

Resumo

O presente artigo trata do monitoramento de tecnologias associadas com a aplicação do ácido ascórbico, a partir da busca de informações em bancos de patentes, utilizando a plataforma PatentInspiration®. O ácido ascórbico é um nutriente necessário a várias reações metabólicas e uma substância importante por seu caráter antioxidante, podendo ser utilizado como conservante natural de alimentos, cosméticos e fármacos. Para o levantamento das tecnologias associada ao ácido ascórbico, aplicou-se como critério de busca uma associação de palavras-chave, a saber: “ácido ascórbico”, “natural”, “conservante” e “conservante natural”. O período considerado foi de 2000 a 2018/6, resultando um total de 9.603 patentes depositadas, com o maior número de depósito recuperados no ano de 2014. A partir desse levantamento patentário, constatou-se que a principal tecnologia de aplicação do ácido ascórbico como conservante natural é uma formulação de conservantes acrescida de outros aditivos e antioxidantes naturais e que a aplicação dessas tecnologias se concentra na indústria alimentícia.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jacyelli Cardoso Marinho dos Santos, Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação de Engenharia Química pela Universidade Federal de Campina Grande

Alain Charles de Melo Alves, Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil

Graduado em Engenharia Química pela Universidade Federal da Paraíba - 2014, participante do grupo de pesquisa em Química Quântica Computacional. Mestre em Engenharia Química pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG, 2017. Desenvolvendo pesquisa com: Uso de Ferramentas Inteligentes na Extração de Padrões de Plantas Industriais com ênfase no Controle Multivariável Aplicado a uma Coluna de Destilação Propano/Propeno Utilizando a Técnica de Separação de Sinais - ICA . Doutorando em Engenharia Química pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG. Atuando com bioprocessos de produção de etanol de fontes renováveis.

Jose Nilton Silva, Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PE, Brasil

Professor Adjunto da Universidade Federal de Campina Grande, lotado no Departamento de Engenharia Química.

Referências

BIANCHI, M. de L. P.; ANTUNES, L. M. G. Radicais livres e os principais antioxidantes da dieta. Revista de Nutrição, Campinas, v. 12, n. 2, p. 123-130, maio/ago. 1999.

BOBBIO, P. A.; BOBBIO, F. O. Química do processamento de alimentos. 2. ed. São Paulo: Varela, 1992. 151 p.

CARUSO, L. A.; TIGRE, P. B. (Org.). Modelo SENAI de prospecção: documento metodológico. Montevideo: CINTERFOR/OIT, 2004.

COULTATE, T. P. Alimentos: a química de seus componentes. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004. 368 p.

GORBACHEV, M. Somos todos estudantes e nosso professor é a vida e o tempo. Rússia (Federação Russa): [s.n.], 2014.

PEREIRA, R. P. Ácido ascórbico: características, mecanismos de atuação e aplicações na indústria de alimentos. 2008. 40 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Monografia) – Departamento de Química de alimentos, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2008.

PINHEIRO. D. M; PORTO. K. R de A; MENEZES, M. e da S. A química dos alimentos: carboidratos, lipídeos, proteínas, vitaminas e minerais. Maceió: EDUFAL, 2005. p. 52. (Série - Conversando sobre Ciências em Alagoas).

QUINTELLA, C. M. et al. Prospecção tecnológica como uma ferramenta aplicada em ciência e tecnologia para se chegar à inovação. Revista Virtual de Química, Salvador, v. 3, 2011.

ROSA, J. S. da et al. Desenvolvimento de um método de análise de vitamina C em alimentos por cromatografia líquida de alta eficiência e exclusão iônica. Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, v. 27, p. 873-846, 2007.

TEIXEIRA, L. P. Prospecção Tecnológica: importância, métodos e experiências da Embrapa no Cerrado. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Embrapa Cerrados. Planaltina, DF: Embrapa Cerrados, 2013. (Documentos, 317).

VANNUCCHI, H.; ROCHA, M. M. Funções plenamente reconhecidas de nutrientes: ácido ascórbico (vitamina C). São Paulo: International Life Sciences Institute do Brasil, 2012. 21 v. (Série de Publicações ILSI Brasil).

Downloads

Publicado

2018-12-10

Como Citar

Santos, J. C. M. dos, Alves, A. C. de M., & Silva, J. N. (2018). Análise e Monitoramento das Tecnologias Desenvolvidas para Aplicação do Ácido Ascórbico como Conservante Natural. Cadernos De Prospecção, 11(5), 1660. https://doi.org/10.9771/cp.v12i5.27258

Edição

Seção

Prospecções Tecnológicas de Assuntos Específicos