Infográficos e processos cognitivos como recurso para popularização da informação sobre Covid - 19

Autores

Palavras-chave:

Design de informação, Cognição, Infográficos, Coronavírus, Covid-19

Resumo

O objetivo deste estudo é avaliar se o designer dos infográficos da Fiocruz propicia a popularização da informação sobre o combate à Covid-19. As questões norteadoras desta pesquisa são: os infográficos utilizados pela Fiocruz são profícuos para a popularização da informação sobre a Covid-19? Seu conteúdo e design possibilitam uma fácil compreensão para o público que utiliza as redes sociais? Com isso, buscamos identificar se os infográficos foram elaborados com parâmetros no design de informação via GDV e nos processos cognitivos, objetivando a compreensão do sujeito, de maneira rápida e eficaz ao acessar as informações em sua rede social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rita de Cássia Machado da Silva, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI

Doutoranda e Mestra em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Bibliotecária do SENAI.

Silvana Pereira da Silva, Universidade Federal da Bahia - UFBA

Mestranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Graduação em Educação Artística c/ ênfase em Computação Gráfica pela Universidade Salvador

Lidia Maria Brandão Toutain, Universidade Federal da Bahia - UFBA

Doutora em Filosofia pela Universidad de León – Espanha. Mestre em Metodologia do Ensino Superior pela PUC-Campinas e Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Professora do Instituto de Ciência da Informação (ICI/UFBA)

Referências

ADAMS, D. O que são infográficos e por que são importantes? InstantShift, [S. I.], 25 mar. 2011. Disponível em:www.instantshift.com/2011/03/25/what-are-infographics-and-why-are-they-important/. Acesso em: 5 jan. 2017.

COGNIFIT. O que é a cognição?Significado e definição. [S. I.], [2019?]. Disponível em: www.cognifit.com/br/cognicao. Acesso em: 1 jan. 2019.

EVEDOVE, P. R. D.; FUJITA, M. S. L. A nova configuração do paradigma cognitivo na ciência da informação: contribuições ao processo. Inf. Inf., Londrina, v. 18, n.1, p. 59 –81, jan./abr. 2013. Disponível em: www.uel.br/revistas/informacao. Acesso em: 19 jan. 2019

FIOCRUZ. Material informativo. [Salvador], [2020]. Disponível em: https://coronavirus.bahia.fiocruz.br/material-informativo/. Acesso em: 25 jul. 2020.

KRESS, G.; VAN LEEUWEN, T. Reading images: the grammar of Visual Design. London: Routledge, 2006.

KRUM, R. Cool infographics [electronic resource]:effective communication with data visualization and design. Indianapolis: John Wiley & Sons, 2014.

LIMA, G. A. B. Categorização como um processo cognitivo. Ciências & Cognição, Rio de Janeiro, v. 11, p. 156-167, 2007. Disponível em: www.cienciasecognicao.org/revista/index.php/cec/article/view/663/444#.Xm_F2krzL4o.gmail. Acesso em: 3 jul. 2019.

MIRZOEFF, N. Una introducción a la cultura visual.Barcelona: Paidós, 2003.

SMICIKLAS, M. The power of infographics: using pictures to communicate and connect with your audiences. Indianopolis: Que Biz-tech, 2012. 199 p. Disponível em: http://ptgmedia.pearsoncmg.com/images/9780789749499/samplepages/0789749491.pdf. Acesso em: 10 abr. 2019.

VAN LEEUWEN, T. Introducing social semiotics. London: Routledge, 2005.

VASCONCELLOS, J. L. C. de; OLIVEIRA, R. V. de. Representações mentais: uma abordagem cognitivista. Textura -Revista de Educação e Letras, [S. I.],v. 2, n. 3, 2000. Disponível em: www.periodicos.ulbra.br/index.php/txra/article/view/895/669. Acesso em: 20 jan. 2020.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

SILVA, R. de C. M. da; SILVA, S. P. da; TOUTAIN, L. M. B. Infográficos e processos cognitivos como recurso para popularização da informação sobre Covid - 19. Revista Fontes Documentais, [S. l.], v. 3, n. Ed. Especial, p. 377–385, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/RFD/article/view/57790. Acesso em: 19 abr. 2024.

Edição

Seção

COMUNICAÇÕES: Comunicação, informação em rede e humanização: novas perspectivas