LÁ VEM O MARACATU DESCENDO A LADEIRA: reflexões e apontamentos para ressignificar a dança afro-brasileira em contextos acadêmicos

Autores

  • Jonas de Lima Sales UnB

Palavras-chave:

Tradição Popular, Maracatu, Afro-brasileiro, Dança.

Resumo

Reflete-se aqui, sob a ótica de planos cinematográficos, sobre a expressividade espetacular do Maracatu de Baque Virado como estética inspiradora para a criação artística. Propõe-se discutir a estética que envolve essa manifestação popular, apontando uma reflexão de suas potencialidades para o fazer artístico, ao vislumbrar as culturas afro-brasileiras como inspiradoras e propositoras nas produções de artes cênicas contemporâneas. Para esta discussão, tem-se a colaboração de pensadores como Deleuze e André Lepecki, instigando as linguagens artísticas e a concepção dos planos aqui utilizados a fim de aferirmos um olhar para essa expressividade espetacular do povo brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jonas de Lima Sales, UnB

Professor adjunto do Departamento de Artes Cênicas da Universidade de Brasília (UnB) e do Mestrado Profissional em Artes (Prof-Artes/UnB/Udesc). Pesquisa temas relacionados a corporeidades, tradições populares, negritude e pedagogias da cena.

Downloads

Publicado

2020-12-31