DRAMATURGIA, CORPO E PROCESSOS DE FORMAÇÃO EM DANÇA NA CONTEMPORANEIDADE

Autores

  • Ana Rocha Mundim (UFU) Universidade Federal de Uberlândia

Palavras-chave:

Dramaturgia, Corpo, Processos de Formação, Contemporaneidade

Resumo

São inúmeras as discussões acerca da dramaturgia na dança no Brasil. Neste artigo a dramaturgia é assumida como processo que se dá no corpo, pelo corpo e para o corpo e que, portanto, assume um contexto experiencial que se organiza de modo particular para cada indivíduo. A partir desta perspectiva, é possível estabelecer que os processos formativos vivenciados pelo corpo que dança influenciam de modo significativo em seus percursos de elaboração estética, criativa e artística. Mas como tem se dado os processos formativos em dança na contemporaneidade? De que modo as práticas de ensino têm abordado o assunto corpo? O presente artigo busca discutir essas questões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Rocha Mundim (UFU), Universidade Federal de Uberlândia

Bailarina e coreógrafa. Bacharel e Licenciada em Dança pela UNICAMP, Mestre em Artes pela UNICAMP e Doutora pela UNICAMP e pela UAB (Universitát Autónoma de Barcelona). Professora efetiva e atual coordenadora do Curso de Bacharelado em Dança da Universidade Federal de Uberlândia.

Downloads

Publicado

2015-03-08

Edição

Seção

Artigos