Prospecção Tecnológica de Águas Micelares

Autores

  • Yasmin Girdzyasuskas Justino Universidade Federal de Alfenas
  • Mateus Freire Leite Universidade Federal de Alfenas

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v13i5.33718

Palavras-chave:

, Prospecção Tecnológica. Água Micelar. Inovação.

Resumo

 

A constante busca e manutenção da beleza pela humanidade desde a antiguidade faz com que indústrias do mercado de cosméticos busquem cada vez mais formas e produtos inovadores para agregar em seu acervo. A tecnologia das águas micelares entra no acervo de produtos inovadores para saciar as necessidades dos consumidores. O presente trabalho tem como objetivo produzir uma prospecção tecnológica sobre águas micelares e suas tecnologias, a fim de identificar perspectivas de mercado para essa área tecnológica. Para a produção do estudo, foram desenvolvidas revisões bibliográficas e buscas na base patentária do Banco Europeu de Patentes (ESPACENET). Posteriormente, foi realizada análise qualitativa e quantitativa dos dados obtidos, observando-se que a primeira patente depositada relacionada ao assunto foi no ano de 1984, constatou-se, portanto, que houve apenas 20 depósitos ao longo de 35 anos e tendo que o Japão é o principal país depositante. Os resultados obtidos demonstram a necessidade do aumento de pesquisas e patentes sobre o tema, mostrando boas perspectivas de inovação na área.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABIHPEC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE HIGIENE PESSOAL, PERFUMARIA E COSMÉTICOS. MEIs do mercado de beleza crescem 567% em 5 anos. São Paulo, 17 abr. 2015. Disponível em: https://abihpec.org.br/meis-do-mercado-de-beleza-crescem-567-em-5-anos/. Acesso em: 20 ago. 2019.

ABIHPEC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE HIGIENE PESSOAL, PERFUMARIA E COSMÉTICOS. Setor brasileiro de cosméticos em lenta recuperação retoma posições. São Paulo, 2018a. Disponível em: https://abihpec.org.br/setor-brasileiro-de-cosmeticos-em-lenta-recuperacao-retoma-posicoes/. Acesso em: 20 ago. 2019

ABIHPEC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE HIGIENE PESSOAL, PERFUMARIA E COSMÉTICOS. Setor de cosméticos e higiene pessoal cresce 2,8%. São Paulo, 2018b. Disponível em: https://abihpec.org.br/setor-de-cosmeticos-e-higiene-pessoal-cresce-28/. Acesso em: 20 ago. 2019.

ABIHPEC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE HIGIENE PESSOAL, PERFUMARIA E COSMÉTICOS. Panorama do Setor. São Paulo, 2019. Disponível em: https://abihpec.org.br/publicacao/panorama-do-setor-2019/. Acesso em: 20 ago. 2019.

CAPANEMA, Luciana Xavier de Lemos et al. Panorama da indústria de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos. BNDES Setorial, Rio de Janeiro, n. 25, p. 131-155, março, 2007.

DUVENAL, Talita. Água micelar: saiba tudo sobre a tecnologia que deixa a limpeza da pele mais prática e menos agressiva. Globo S/A, São Paulo, 2018. Disponível em: https://oglobo.globo.com/ela/beleza/pele/agua-micelar-saiba-tudo-sobre-tecnologia-que-deixa-limpeza-da-pele-mais-pratica-menos-agressiva-22963736. Acesso em: 20 ago. 2019

FERNANDES, Adriana Isabel Palhares. Cuidados dermocosméticos para uma pele saudável: aconselhamento farmacêutico nos casos mais comuns. 2012. 124p. Monografia (Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas) – Universidade do Algarve Faculdade de Ciências e Tecnologia, Portugal, 2012. Disponível em: https://sapientia.ualg.pt/bitstream/10400.1/3134/1/Monografia%20-%20Adriana%20Fernandes.pdf. Acesso em: 20 ago. 2019.

FIGUEIRAS, Nathalia Lima. O crescimento e valorização do mercado de estética no brasil. 2018. 22p. Graduação (Trabalho de Conclusão de Curso) – Faculdade de Ciências Gerenciais de Manhuaçu, Minas Gerais, 2018. Disponível em: http://pensaracademico.facig.edu.br/index.php/repositoriotcc/article/view/1009/895. Acesso em: 20 ago. 2019.

FIGUEIREDO, Talita. Vaidade move indústria que cresce 5% ao ano. Folha de São Paulo, São Paulo, 13 jan. 2006. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/fsp/dinheiro/fi1301200630.htm. Acesso em: 20 ago. 2019.

FLORES, César. Segredo industrial e contrato de know­how. Rio de Janeiro: Programa de Mestrado da Universidade Estácio de Sá, 2008.

OLIVEIRA, G. T.; MAIA, J. L; MARTINS, R. A. Estratégia de produção e desenvolvimento de produto em uma empresa do setor de cosméticos. São Carlos, SP: Universidade Federal de São Carlos, 2006.

PRATES, F. A.; SILVA, N. Água micelar. Curitiba, PR: Centro Estadual de Educação Profissional de Curitiba, Curso Técnico em Química, 2016.

SANTOS, Marcio de Miranda et al. Prospecção de tecnologias de futuro: métodos, técnicas e abordagens. Parcerias Estratégicas, [S.l.], v. 9, n. 19, 2004. Disponível em: http://seer.cgee.org.br/index.php/parcerias_estrategicas/article/view/253. Acesso em: 20 ago. 2019.

SHESEIDO CO LTD. Estrutura Global de P&D. Tóquio, 2019. Disponível em: https://www.shiseidogroup.com/rd/collaboration/. Acesso em: 20 ago. 2019.

SILVEIRA, Olivia. Água micelar: o que é? Pra que serve? Quais são os benefícios? Revista Glamour, [S.l.], agosto de 2016. Disponível em: https://revistaglamour.globo.com/Beleza/noticia/2016/08/agua-micelar-o-produto-inteligente.html. Acesso em: 20 ago. 2019.

STATISTA. Valor estimado de mercado da água micelar em todo o mundo de 2017 a 2023(em milhões de dólares americanos). 2018. Disponível em: https://www.statista.com/statistics/863223/global-micellar-water-market-value/. Acesso em: 20 ago. 2019.

TEH, C. C.; KAYO, E. K.; KIMURA, H. Marcas, patentes e criação de valor. Revista de Administração Mackenzie, [S.l.], v. 9, n. 1, p. 86-106, 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ram/v9n1/a05v9n1. Acesso em: 20 ago. 2019.

Downloads

Publicado

2020-10-01

Como Citar

Girdzyasuskas Justino, Y., & Freire Leite, M. (2020). Prospecção Tecnológica de Águas Micelares. Cadernos De Prospecção, 13(5), 1516. https://doi.org/10.9771/cp.v13i5.33718

Edição

Seção

Prospecções Tecnológicas de Assuntos Específicos