Prospecção Tecnológica de Processo de Fabricação de Próteses Articuladas a partir da Combinação de Materiais Rígidos e Flexíveis em uma Única Peça

Autores

  • Victor Seabra Dornas Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌ http://orcid.org/0000-0002-4733-3166
  • Alan Elvis Lima Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌
  • Magna Pinheiro Pessoa Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌
  • Lívia Pereira de Araújo Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌ http://orcid.org/0000-0001-6676-6023
  • Grace Ferreira Ghesti Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌
  • Paulo Gustavo Barboni Dantas Nascimento Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

DOI:

https://doi.org/10.9771/cp.v14i2.32903

Palavras-chave:

Prospecção, Prótese de Mão, Impressão Tridimensional.

Resumo

O presente artigo destina-se a prospectar e a avaliar um pedido de concessão de patente de uma tecnologia ortopédica baseada em método de confecção de prótese artificial cuja titularidade patrimonial pertence à Universidade de Brasília. Informa-se que se adotou neste estudo como metodologia a busca em bases de patente, bem como uma pesquisa mais abrangente sobre aspectos relacionados, como viabilidade mercadológica, para fins de deliberar acerca da manutenção ou não das taxas anuais aplicadas pelo INPI e, neste caso, custeadas pelo erário. Trata-se de uma técnica chamada FDM (Fused Deposition Modeling) destinada à impressão tridimensional das próteses articuladas para as mãos, tanto com finalidade estética como funcional. Por meio de uma análise baseada em matriz SWOT, buscou-se, portanto, uma projeção de mercado, tanto em âmbito público como no privado, ainda que sopesadas as atuais condições intermediárias observadas no grau de aferição TRL.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Victor Seabra Dornas, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Bacharel em Direito pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (2010). Aluno especial do Mestrado em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação – PROFNIT/UnB.

Alan Elvis Lima, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Aluno especial do Mestrado em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação – PROFNIT/UnB.

Magna Pinheiro Pessoa, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Aluna especial do Mestrado em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação – PROFNIT/UnB.

Lívia Pereira de Araújo, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Mestre em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação (PROFNIT) pela Universidade de Brasília, UnB (2019). Licenciada em Letras Português pela Universidade de Brasília, UnB (2014). Bacharel em Direito pela Faculdade Projeção (2012).

Grace Ferreira Ghesti, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Doutora em Química pela Universidade de Brasília (2009). Mestra pelo Programa de Mestrado Profissionalizante em Certified Brewmaster Course Versuchs und Lehranstalt für Brauerei in Berlin, VLB, Alemanha (2008). Mestra em Química pela Universidade de Brasília (2006). Bacharel em Química pela Universidade de Brasília (2004). Atualmente é professora do Programa de Mestrado Profissional em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação (PROFNIT). Professora Associada I do Instituto de Química da Universidade de Brasília.

Paulo Gustavo Barboni Dantas Nascimento, Universidade‌ ‌de‌ ‌Brasília,‌ ‌Brasília,‌ ‌DF,‌ ‌Brasil‌

Pós-Doutor em Farmacologia, pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRPUSP); doutor em Química, pela FCFRP/USP; mestre em Química, pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FFCLRP/USP); especialista lato sensu em Tecnologias na Aprendizagem, pelo Centro Universitário Senac; e bacharel em Química, pela Universidade de São Paulo (USP).

Referências

ABDI – AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL. Plataformas demonstradoras tecnológicas aeronáuticas, experiências com programas internacionais, modelagem funcional aplicável ao Brasil e importância da sua aplicação para o País. Brasília, DF: ABDI, 2014. 122p. ISBN: 978-85-61323-17-2.

ANDRADE, Marcelino Monteiro de et al. Processo de fabricação de próteses articuladas a partir da combinação de materiais rígidos e flexíveis em uma única peça. Titular: UnB. BR n. 102014029649-2. Depósito: 27 nov. 2014. Publicação: 31 maio 2016. Revista da Propriedade Industrial, 2016.

ARAÚJO, Lívia Pereira de et al. Avaliação tecnológica de dispositivo cicatrizante para pés diabéticos com capacidade de neoformação tecidual. Cadernos de Prospecção, Salvador, v. 11, n. 3, p. 910-927, 30 set. 2018. Universidade Federal da Bahia. Disponível em: https://portalseer.ufba.br/index.php/nit/article/view/27101. Acesso em: 3 ago. 2019.

ARAÚJO, Lívia Pereira de et al. Direito patentário brasileiro. In: SANTOS, Wagna Piler Carvalho dos. Conceitos e aplicações em propriedade intelectual. Salvador: Fortec, 2019. Cap. 4. p. 236-297. (II). Disponível em: http://www.profnit.org.br/wp-content/uploads/2019/04/PROFINIT-Serie-Conceitos-e-Aplica%C3%A7%C3%B5es-de-Propriedade-Intelectual-Volume-II-1.pdf. Acesso em: 3 ago. 2019.

AUTM – ASSOCIATION OF UNIVERSITY TECHNOLOGY MANAGERS (Estados Unidos). About Technology Transfer: AUTM’s Technology Transfer Video. [2018]. Disponível em: https://www.autm.net/autm-info/about-tech-transfer/about-technology-transfer/. Acesso em: 1º maio 2018.

BRASIL. Lei n. 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências. Brasília, DF, Presidência da República, 1998. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9610.htm. Acesso em: 10 abr. 2019.

BRASIL. Lei n. 10.973 de 2 de dezembro de 2004. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 12 de janeiro de 2004. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.973.htm. Acesso em: 13 abr. 2019.

BRASIL. Ministério da saúde lança licitação para registro de preços de órteses e próteses. Brasília, DF, 1º de fevereiro de 2018. Disponível em https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/fevereiro/01/Coletiva-Ortese-e-Protese.pdf. Acesso em: 15 de fevereiro de 2020.

EPSZTEJN, Michel et al. Evolução das próteses no Brasil: características da propriedade industrial. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 28. Rio de Janeiro, 2008. Anais [...]. Rio de Janeiro, 2008. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2008_tn_sto_076_536_11662.pdf. Acesso em: 10 abr. 2019.

HANGER, Inc. About Hanger. 2019. Austin, Texas, EUA. Disponível em: http://www.hanger.com/about/Pages/default.aspx. Acesso em: 9 ago. 2019.

HEALTHCARE, Gtt. Mercado de órteses e próteses: OPME no Brasil. 2016. Disponível em: http://gtthealthcare.com.br/blog/index.php/mercado-de-orteses-e-proteses-no-brasil-opme/. Acesso em: 12 abr. 2019.

HOFER, Michael. WOGRO: Österreichische Innovation revolutioniert Wassertechnik. 2016. Disponível em: https://www.ots.at/presseaussendung/OTS_20161110_OTS0025/wogro-oesterreichische-innovation-revolutioniert-wassertechnik-bild. Acesso em: 12 abr. 2019.

LINKEDIN. Gregor Puchhammer, PhD. [2019]. Disponível em: https://at.linkedin.com/in/gregor-puchhammer-phd-7525a410. Acesso em: 12 abr. 2019.

MANKINS, Roberto. Manual sobre o uso da Escala TRL/MRL. 1995. Disponível em: https://cloud.cnpgc.embrapa.br/nap/files/2018/08/EscalaTRL-MRL-17Abr2018.pdf. Acesso em: 14 abr. 2019.

MATTOZINHOS, Anderson. Gestão em saúde: analisando o mercado de próteses. 2016. Disponível em: https://geekonomics.com.br/2016/05/gestao-em-saude-analisando-mercado-proteses/. Acesso em: 14 abr. 2019.

OMPI – ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA PROPRIEDADE INTELECTUAL. Classificação Internacional de Patentes (IPC). 2019. Disponível em: http://ipc.inpi.gov.br/classifications/ipc/ipcpub/?notion=scheme&version=20200101&symbol=none&menulang=en&lang=en&viewmode=f&fipcpc=no&showdeleted=yes&indexes=no&headings=yes¬es=yes&direction=o2n&initial=A&cwid=none&tree=no&searchmode=smart. Acesso em: 9 ago. 2019.

OTTOBOCK. Site Oficial. [2019]. Disponível em: https://www.ottobock.com.br/. Acesso em: 12 abr. 2019.

PATENTSCOPE. [Base de dados – Internet]. [2018]. Disponível em: https://patentscope.wipo.int/search/pt/search.jsf. Acesso em: 12 abr. 2019.

PEIXOTO, Alberto Monteiro et al. Prevalência de amputações de membros superiores e inferiores no estado de Alagoas atendidos pelo SUS entre 2008 e 2015. Fisioterapia e Pesquisa, [s.l.], v. 24, n. 4, p. 378-84, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/fp/v24n4/2316-9117-fp-24-04-378.pdf. Acesso em: 12 abr. 2019.

PIMENTEL, Luiz Otávio. Manual Básico de Acordos de Parceria de PD&I. Porto Alegre: Edipuc RS, 2010. 277p.

QUINTELLA, C. M. A revista cadernos de prospecção e os níveis de maturidade de tecnologias (TRL). Cadernos de Prospecção, Fortaleza, v. 10, n. 1. 2017.

ROCHA, Gabriela. Ministério da Saúde lança licitação para registro de preços de órteses e próteses. Agência Saúde, últimas notícias, 2018. Disponível em: http://www.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/42429-ministerio-da-saude-lanca-licitacao-para-registro-de-precos-de-orteses-e-proteses. Acesso em: 11 abr. 2019.

STAT, Comex. Comex Responde. 2019. Disponível em: http://comexstat.mdic.gov.br/pt/sobre. Acesso em: 14 abr. 2019.

USPTO – UNITED STATES PATENT AND TRADEMARK OFFICE. [Base de dados – Internet]. [2019]. Disponível em: https://www.uspto.gov/patents-application-process/search-patents. Acesso em: 12 abr. 2019.

WIPO – WORLD INTELLECTUAL PROPERTY ORGANIZATION. PatentScope. Base de dados internet. [2019]. Disponível em: https://patentscope.wipo.int/search/en/search.jsf. Acesso em: 12 abr. 2019.

Downloads

Publicado

2021-04-01

Como Citar

Dornas, V. S., Lima, A. E., Pessoa, M. P., de Araújo, L. P., Ghesti, G. F., & Nascimento, P. G. B. D. (2021). Prospecção Tecnológica de Processo de Fabricação de Próteses Articuladas a partir da Combinação de Materiais Rígidos e Flexíveis em uma Única Peça. Cadernos De Prospecção, 14(2), 517. https://doi.org/10.9771/cp.v14i2.32903

Edição

Seção

Prospecções Tecnológicas de Assuntos Específicos