Impacto da terapia nutricional em pacientes com câncer de cabeça e pescoço com desnutrição: uma revisão sistemática

Autores

  • Vanessa Gomes Souza Estudante de Nutrição da Universidade Federal da Bahia
  • Juliana Borges de Lima Dantas Professora da Faculdade Adventista da Bahia
  • Gabriela Botelho Martins Professora Associado do Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Federal da Bahia
  • Manoela Carrera Martinez Cavalcante Pereira Doutora em Estomatopatologia, Professora da Universidade do Estado da Bahia e Professora Adjunto da Universidade Federal da Bahia.
  • Sílvia Regina de Almeida Reis Doutora em Patologia Oral. Professora da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, Bahia, Salvador, Brasil.
  • Alena Ribeiro Alves Peixoto Medrado Doutora em Patologia Humana. Professora Adjunto da Universidade Federal da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.9771/cmbio.v20i1.34959

Palavras-chave:

Neoplasias de Cabeça e Pescoço. Terapia Nutricional. Desnutrição

Resumo

Introdução: o câncer de cabeça e pescoço (CCP) ocupa o 5º lugar entre as neoplasias mais prevalentes no Brasil. Por acometer regiões
que estão relacionadas diretamente à alimentação, os efeitos secundários ao tratamento provoca diminuição da ingesta alimentar,
que favorece perda de peso acelerada e desnutrição. A terapia nutricional (TN) contribui para a minimização desses efeitos, pois
visa à manutenção ou recuperação do estado nutricional. Objetivo: avaliar o impacto da TN em pacientes com CCP com desnutrição,
e na minimização dos efeitos colaterais advindos do tratamento antineoplásico. Metodologia: trata-se uma revisão sistemática,
utilizando-se as bases de dados eletrônicas Lilacs, Medline, Pubmed, periódicos CAPES e Scielo, através dos descritores: “nutritional
therapy”, “head and neck neoplasms” e “malnutrition”. Os critérios de inclusão estabelecidos foram ensaios clínicos randomizados,
escritos em inglês e publicados entre os anos de 2013 e 2018; participantes dos estudos deveriam apresentar idade superior a 19
anos e submetidos a qualquer tipo e fase de tratamento oncológico. Resultados: observou-se um total de 755 indivíduos com CCP que
participaram dos seis ensaios clínicos selecionados. Os estudos avaliaram o impacto nutricional no uso de suplementos alimentares
e na eficácia da terapia enteral. Destes, apenas quatro constataram diferença em relação a intervenção nutricional (p<0,05) e dois
não relataram resultados significativos (p>0,05). O acompanhamento nutricional mostra-se necessário para reduzir os riscos de piora
do estado nutricional e da qualidade de vida. Conclusão: a TN oral ou enteral podem ser implementadas, para garantir a melhora
da condição nutricional e de saúde do paciente com CCP.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-05-05

Como Citar

Souza, V. G., Dantas, J. B. de L., Martins, G. B., Pereira, M. C. M. C., Reis, S. R. de A., & Medrado, A. R. A. P. (2021). Impacto da terapia nutricional em pacientes com câncer de cabeça e pescoço com desnutrição: uma revisão sistemática. Revista De Ciências Médicas E Biológicas, 20(1), 137–143. https://doi.org/10.9771/cmbio.v20i1.34959

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2