A Primavera das Mulheres — Ciberfeminismo e os Movimentos Feministas.

Autores

  • Zeila Aparecida Pereira Dutra UFGD

Resumo

O presente artigo, tem como objetivo desenvolver uma discussão teórica, sobre Ciberfeminismo e, como esse fenômeno é capaz de ressignificar as identidades e promover o (ciber) ativismo feminista, através das mídias sociais, redes sociais e as novas tecnologias da informação. A temática principal, está vinculada as campanhas empreendidas pelas mulheres no ano de 2015, "A Primavera Feminista" e a "Primavera Secundarista", identificando esse período de militância, como "Primavera das Mulheres", por ter tido um alcance significativo nas redes sociais e pelo uso das mídias sociais para organizar as manifestações que saíram do espaço virtual, emergindo no concreto. Assim, pretende-se analisar a aliança do feminismo com as novas tecnologias. Quanto ao método de pesquisa utilizado, foi a revisão bibliográfica. Podendo perceber ao final, a criação de uma relação entre mulheres e tecnologia, na luta por equidade de gênero.

Palavras-Chave: ciberativismo; feminismo; identidade; tecnologia

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Zeila Aparecida Pereira Dutra, UFGD

Mestranda do Programa de Sociologia UFGD

Referências

BOURDIEU, Pierre. A Dominação Masculina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.



GIDDENS, Anthony. Modernidade e Identidade. Rio de Janeiro: Jorge Zahrar, 2002.



HALL, Stuart. A Identidade Cultural na Pós-modernidade. 4ª edição. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.



LEVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo. Editora 34, 1999.


PLANT, Sadie. Zeros + Ones. London: Fourth Estate,1998.


SADER, Eder. Quando novos personagens entraram em cena: experiências, falas e lutas dos trabalhadores da Grande São Paulo, 1970-80. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 4ª edição 2001i.



Documentários



Lute como uma menina. Disponível em:<https://www.youtube.com/watch?v=8OCUMGHm2oA> Acesso em: 22/12/2017 às 15:03



Sites



Prints de tela. Facebook.com

____________. Twitter.com



Post Primavera Secundarista. blogueirasfeministas.com



Fenomenologia. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Fenomenologia>.

Acesso em: 27/12/2017 às 20:00.



Uma história oral das primeiras Ciberfeministas. Disponível em:<https://motherboard.vice.com/pt_br/article/ezbyq4/um-historia-oral-das-primeiras-ciberfeministas> Acesso: 21/12/2017 às 21:40

Disponível em: <https://www.significados.com.br/hashtag/> Acesso em 26/12/2017 às 18:35.

Bello, Luíse. Uma primavera sem fim. Disponível em: <http://thinkolga.com/2015/12/18/uma-primavera-sem-fim/>. Acesso em: 3/12/217, às 23:00.

Midias e redes sociais. Disponível em: < http://http://www.cria.art.br/diferenca-entre-redes-sociais-e-midias-sociais>. Acesso em: 27/12/2017 às 19:48.

TICs. Disponível em:<http://https://www.infojovem.org.br/infopedia/descubra-e-aprenda/tics>. Acesso: 27/12/2017 às 19:35.



Sufrágio feminino. Disponível em:https://pt.wikipedia.org/wiki/Sufr%C3%A1gio_feminino. Acesso em: 22/10/2017.

Publicado

2020-10-07

Como Citar

DUTRA, Z. A. P. A Primavera das Mulheres — Ciberfeminismo e os Movimentos Feministas. Revista Feminismos, [S. l.], v. 6, n. 2, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/feminismos/article/view/30292. Acesso em: 22 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos