PATRIMÔNIO CULTURAL URBANO: ESPETÁCULO CONTEMPORÂNEO?

Autores

  • Paola Berenstein Jacques

Resumo

A competição local por turistas ou empreendedores estrangeiros é acirrada. As municipalidades se empenham para melhor vender a imagem de marca da sua cidade, em detrimento das necessidades da própria população local, ao privilegiar basicamente o visitante, através de seu maior chamariz: o espetáculo. O patrimônio cultural urbano passa, assim, a ser visto como uma reserva, um potencial de espetáculo a ser explorado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-12-15

Como Citar

Berenstein Jacques, P. (2008). PATRIMÔNIO CULTURAL URBANO: ESPETÁCULO CONTEMPORÂNEO?. Revista De Urbanismo E Arquitetura, 6(1). Recuperado de https://periodicos.ufba.br/index.php/rua/article/view/3229

Edição

Seção

Artigos