RESINAS BULK-FILL: UMA NOVA REALIDADE PARA A RESTAURAÇÃO EM DENTES POSTERIORES BULK-FILL RESIN: A NEW REALITY FOR POSTERIOR TEETH RESTORATION

Autores

  • Marcelo Filadelfo Silva

DOI:

https://doi.org/10.9771/revfo.v50i3.43109

Palavras-chave:

Restauração dentária permanente, polimerização, resina composta, Dental restoration permanent, polymerization, composite resins.

Resumo

A restauração de dentes posteriores, realizada com o uso de resinas compostas
diretas têm se mostrado desafiadora, tendo em vista as dificuldades
inerentes à técnica operatória, relacionada a inserção, fotoativação
e sua relação com fatores críticos como contração de polimerização e
o estresse que pode produzir tensão na interface dente/restauração e
a prevenção à microinfiltração marginal, causadora de falha e insucesso
em muitas situações clinicas. Com o intuito de tornar este procedimento
mais prático, a introdução de novos materias na rotina clínica, como as
resinas bulk fill nas formulações de alta ou baixa viscosidade, requerem
um amplo conhecimento de suas propriedades físicas, características
mecânicas, citotóxicas, e de aplicação clínica, visando assim sua maior
longevidade. O presente estudo de revisão revelou que compósitos bulk
fill, comparados aos convencionais, são promissores, permitindo seu uso
em incrementos maiores, mantendo suas propriedades mecânicas favoráveis
após a fotoativação, bem como adequada biocompatibilidade.
Outra constatação foi as melhores propriedades de polimerização como
grau de conversão e profundidade de polimerização verificadas nos compósitos
bulk fill na consistência fluida, frente aos demais materiais resinosos
convencionais ou mesmo as resinas bulk fill de alta viscosidade.
É consenso nos estudos avaliados que pesquisas de acompanhamento
clínico devem ser realizadas para um maior conhecimento deste material
em função na cavidade oral.

The restoration of posterior teeth, carried out with the use of direct composite
resins, has proved challenging, considering the difficulties inherent
to the operative technique, related to insertion, photoactivation and its
relationship with critical factors such as polymerization contraction and
the stress it can produce tension in the tooth / restoration interface and
the prevention of marginal microleakage, which causes failure and failure
in many clinical situations. In order to make this procedure more practi

cal, the introduction of new materials in the clinical routine, such as bulk
fill resins in high or low viscosity formulations, requires a wide knowledge
of their physical properties, mechanical characteristics, cytotoxic, and
clinical application, thus aiming at its greater longevity. The present review
study revealed that bulk fill composites, compared to conventional
ones, are promising, allowing their use in larger increments, maintaining
their favorable mechanical properties after photoactivation, as well as adequate
biocompatibility. Another finding was the better polymerization
properties such as degree of conversion and depth of polymerization verified
in bulk fill composites in fluid consistency, compared to other conventional
resinous materials or even high viscosity bulk fill resins. There
is a consensus in the studies evaluated that clinical follow-up research
should be carried out for a better understanding of this material, depending
on the oral cavity.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-01-16

Como Citar

Filadelfo Silva, M. (2021). RESINAS BULK-FILL: UMA NOVA REALIDADE PARA A RESTAURAÇÃO EM DENTES POSTERIORES BULK-FILL RESIN: A NEW REALITY FOR POSTERIOR TEETH RESTORATION. Revista Da Faculdade De Odontologia Da Universidade Federal Da Bahia, 50(3). https://doi.org/10.9771/revfo.v50i3.43109

Edição

Seção

Artigos de Revisão de Literatura/ Reviews of the Literature