LESÃO PERIFÉRICA DE CÉLULAS GIGANTES: RELATO DE CASO DE GRANDES DIMENSÕES PERIPHERAL LESION OF GIANT CELLS: CASE REPORT OF LARGE DIMENSIONS

Autores

  • Juliana Jorge Garcia
  • Carine Rabelo Bispo
  • João Nunes Nogueira Neto
  • João Frank Carvalho Dantas
  • Viviane Almeida Sarmento

Palavras-chave:

Lesão periférica de células gigantes, granuloma periférico de células gigantes, diagnóstico diferencial, Giant cell peripheral lesion, giant cell peripheral granuloma, differential diagnosis

Resumo

A lesão periférica de células gigantes, também conhecida como granuloma
periférico de células gigantes, é um processo proliferativo não
neoplásico reacional causado por irritação ou trauma que ocorre exclusivamente
na gengiva ou rebordo alveolar edêntulo. Pode se apresentar
como um aumento de volume nodular, geralmente de até dois
centímetros de diâmetro e com coloração que varia do vermelho ao
vermelho azulado. Seu diagnóstico final é histológico e deve ser tratado
com excisão cirúrgica. Objetivo: O objetivo do presente trabalho
é descrever um caso clínico de lesão periférica de células gigantes de
grandes dimensões. Relato de Caso: Homem adulto, na oitava década
de vida, procurou atendimento odontológico devido a crescimento
tumoral indolor, de grandes dimensões, em rebordo alveolar inferior
desdentado. Realizada biópsia incisional foram observadas células
gigantes em um estroma fibroso, que confirmou a suspeita de lesão
periférica de células gigantes. A lesão foi totalmente removida sob
anestesia local e o paciente encontra-se em proservação sem sinais
de recidiva. Considerações finais: O diagnóstico diferencial das lesões
em tecidos moles da boca é muito importante, a fim de permitir o tratamento
adequado do paciente.

 

ABSTRACT

Peripheral giant cell lesion, also known as giant cell peripheral
granuloma, is a non-neoplastic reactive proliferative process caused by
irritation or trauma that occurs exclusively in the gingival or edentulous
alveolar ridge. It may present as a nodular volume increase, usually up
to two centimeters in diameter and with coloration ranging from red
to bluish red. Its final diagnosis is histological and should be treated
with surgical excision. Objective: The aim of the present study is to
describe a clinical case of large peripheral lesion of giant cells. Case
Report: Adult male, in the eighth decade of life, sought dental care due
to painful tumor growth, large, in the edentulous lower alveolar ridge.
Incisional biopsy was performed giant cells in a fibrous stroma, which
confirmed the suspicion of peripheral lesion of giant cells. The lesion
was completely removed under local anesthesia and the patient is
undergoing proservation without signs of relapse. Final considerations:
The differential diagnosis of soft-tissue lesions of the mouth is very
important in order to allow adequate treatment of the patient.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

Garcia, J. J., Bispo, C. R., Neto, J. N. N., Dantas, J. F. C., & Sarmento, V. A. (2020). LESÃO PERIFÉRICA DE CÉLULAS GIGANTES: RELATO DE CASO DE GRANDES DIMENSÕES PERIPHERAL LESION OF GIANT CELLS: CASE REPORT OF LARGE DIMENSIONS. Revista Da Faculdade De Odontologia Da Universidade Federal Da Bahia, 47(2), 25–29. Recuperado de https://periodicos.ufba.br/index.php/revfo/article/view/35770

Edição

Seção

Relatos de Casos Clínicos/ Cases Report