QUANDO BAILARINAS ENVELHECEM: gênero, corpo e envelhecimento

Autores

  • Carolina Barbosa de Lira

Resumo

Se os corpos são gendrados, as experiências perante o envelhecimento também o são. Mulheres e homens vivenciam, portanto, o processo de envelhecimento de maneira distinta. Normalmente encarada como uma etapa da vida atrelada a consequências negativas, a velhice para as mulheres é cruel por se relacionar com a perda da capacidade reprodutiva. Envelhecer implica em mudanças no corpo e para as mulheres que possuem o corpo como instrumento de trabalho, como é o caso das bailarinas, esse processo pode ser ainda mais difícil de ser administrado. Este artigo busca analisar como mulheres bailarinas lidam com o processo de envelhecimento, atentando-se para as mudanças físicas e subjetivas.

Palavras - chave: Gênero; Bailarinas; Envelhecimento; Corpo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-03-20

Como Citar

LIRA, C. B. de. QUANDO BAILARINAS ENVELHECEM: gênero, corpo e envelhecimento. Revista Feminismos, [S. l.], v. 6, n. 2, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/feminismos/article/view/30394. Acesso em: 22 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Justiça Reprodutiva