Competência em informação do profissional da saúde:

revisão de literatura

Autores

Palavras-chave:

Competência em informação, Profissional da saúde, Informação e Saúde

Resumo

A capacidade de localizar informações que orientem a prática profissional é importante para que os profissionais da saúde possam assegurar a qualidade e segurança do paciente.O objetivo deste trabalho foi verificar através da revisão de literatura do PubMeda situação atual das habilidades de competência em informação dos profissionais da saúde. Através da Revisão Sistemática da Literatura foram recuperados 14 artigos sobre a competência informacional dos profissionais da saúde. Foi verificado a baixa habilidade desses profissionais em localizar, recuperar e utilizar informações pertinentes às suas atividades e a necessidade de oferecer treinamentos que os tornem competentes em informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréa Cristina Bogado, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Marília.

 

 

Helen de Castro Silva Casarin, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Professora do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Marília. Doutora em Letras pela UNESP. 

Referências

AMERICAN LIBRARY ASSOCIATION. Information literacy competency standards for higher education. Washington, D.C., 2000. Disponível em: https://alair.ala.org/handle/11213/7668. Acesso em: 21 jul. 2020.

AMERICAN LIBRARY ASSOCIATION.Framework for Information Literacy for Higher Education, Washington, D. C., 2015. Disponível em: ttp://www.ala.org/acrl/standards/ilframework Acesso em: 24 set. 2020.

CAMPELLO, Bernadete. O movimento da competência informacional: uma perspectiva para o letramento informacional. Ciência da Informação, Brasília, v. 32, n. 3, p. 28-37, dez. 2003. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-19652003000300004. Acesso em: 17 jul. 2020.

DUDZIAK, Elizabeth Adriana. Information literacy: princípios, filosofia e prática. Ciência da Informação, Brasília, v. 32, n. 1, p. 23-35, abr. 2003. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-19652003000100003. Acesso em: 17 jul. 2020.

FAROKHZADIAN, Jamileh; KHAJOUEI, Reza; AHMADIA, Leila. Information seeking and retrieval skills of nurses: Nurses readiness for evidence based practice in hospitals of a medical university in Iran. International Journal of Medical Informatics, Shannon, v.84, n.8, p.570-577, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.ijmedinf.2015.03.008. Acesso em: 13 ago. 2020.

FORSTER, Marc. Six ways of experiencing information literacy in nursing: The findings of a phenomenographic study. Nurse Education Today, Edimburgo, v.35, n.1, 195-200, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.nedt.2014.06.005. Acesso em: 13 ago. 2020.

GAINES, Julie; LEVY, Linda; COGDILL, Keith. Sharing MedlinePlus®/MEDLINE® for information literacy education (SMILE): a dentalpublic health information project. Medical reference services quarterly,New York, v.30, n.4, 357-364, 2011. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/22040242/. Acesso em: 08 set. 2020.

GALVÃO, Maria Cristiane Barbosa.; FERREIRA, Janise Braga Barros; RICARTE, Ivan. Usuários da informação sobre saúde. In: CASARIN, H. C. S. (Org.). Estudos de usuário dainformação. Brasília: Thesaurus, 2014. p. 183-219.

GÓMEZ-HERNADEZ, José-Antonio. La alfabetización informacional y la biblioteca universitária: organización de programas para enseñar el acceso y uso de la información. In: GÓMEZ-HERNADEZ, J. A. Estrategias y modelos para enseñar a usar la información. Murcia: KR, 2000. p. 157-236.

MAJID, Shaheen et al. Adopting evidence-based practice in clinical decisionmaking: nurses' perceptions, knowledge, and barriers. Journal of the Medical Library Association, Chicago, v.99, n.3, p. 229-233, jul. 2011. Disponível em: https://doi.org/10.3163/1536-5050.99.3.010. Acesso em: 17 ago. 2020.

MARTINÉZ-SILVEIRA, Marta; ODDONE, Nanci. Necessidades e comportamento informacional: conceituação e modelos. Ciência da Informação, v.36, n.1, p.118-127, maio/ago. 2007.

NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. MeSH: health personnel. Bethesda: NLM; c2020. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/mesh/68006282. Acesso em 24 jul. 2020.

NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. PubMed. Bethesda: NLM; c2019. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/. Acesso em: 26 ago. 2019.

ROSA, Chennyfer Dobbins Paes da; MATHIAS, Denise; ROVAI, Ricardo Leonardo.Sistemas de Informação na área da saúde: a informação clínica como instrumento de trabalho para os profissionais de saúde. Polêm!ca, Rio de Janeiro, v. 15, n.2, p. 35-50, jul./set. 2015. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/polemica/article/view/17839/13288. Acesso em: 24 jul. 2020.

SILVA, Gizelda Monteiro da; SEIFFERT, Otília Maria Silva Barbosa. Educação continuada em enfermagem: uma proposta metodológica. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v.62, n.3, p. 362-366, 2009. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672009000300005. Acesso em: 11 ago. 2020.

TABOSA, Hamilton Rodrigues. Modelo integrativo sobre o comportamento do usuário na busca e uso da informação: aplicação na área de saúde. 2016. 176 f. Tese (Doutoradoem Ciência da Informação) -Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2016. Disponível em: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/8310. Acesso em 24 jul. 2020.

TARGINO, Maria das Graças. Informação em saúde: potencialidades e limitações. Informação & Informação, Londrina, v. 14, n. 1, p. 52-81, jun./jul. 2009. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2009v14n1p52. Acesso em: 24 jul. 2020.

TARGINO, Maria das Graças. O óbvio da informação científica: acesso e uso. TransInformação, Campinas, v. 19, n.2, p. 195-105, maio/ago., 2007. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0103-37862007000200001. Acesso em: 17 jul. 2020.

WEBBER, Sheila. Information Literacy for the 21st Century. In: CONFERENCE ON PROFESSIONAL INFORMATION RESOURCES, 16., 2010. Anais... Prague: INFORUM. Disponível em: http://www.inforum.cz/pdf/2010/webber-sheila-1.pdf. Acesso em: 20 jul. 2020.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

BOGADO, A. C.; CASARIN, H. de C. S. Competência em informação do profissional da saúde:: revisão de literatura. Revista Fontes Documentais, [S. l.], v. 3, n. Ed. Especial, p. 203–212, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/RFD/article/view/57819. Acesso em: 19 abr. 2024.

Edição

Seção

COMUNICAÇÕES: Informação e desinformação: Impactos na vida humana e ecos sociais