Portugal sobre a literacia em saúde:

resultados de um Think Tank nacional

Autores

Palavras-chave:

Literacia, Saúde, Think Tank, Pesquisa-ação, Trabalho em rede, Comunicação

Resumo

Seguindo um estudo de pesquisa-ação participativa, Portugal testemunhou, em 2019, o desenvolvimento de um Think Tank nacional com a presença de entidades, profissionais e membros da sociedade civil, que debateram estratégias para o incremento da Literacia em Saúde da população. Os resultados deste evento apontam para a necessidade de aumentar a perceção do valor da Literacia em Saúde para toda a sociedade, reconhecendo o esforço dos profissionais que se dedicam à sua promoção. Os stakeholders intervenientes reconhecem a necessidade de formaçãona área da Comunicação em Saúde e na própria área da Literacia, através da disseminação de estratégias em rede.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hernâni Zão Oliveira, Universidade do Porto

Mestre em Oncologia e Licenciado em Biologia e Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto.

Helena Lima, Universidade do Porto

Doutora em Jornalismo e Comunicação pela Faculdade de Artes da Universidade do Porto. Mestre em História pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Professora na Faculdade de Letras da Universidade do Porto

 

Referências

ABELDSON, D. Do Think Tanks Matter?: Assessing the Impact of Public Policy Institutes. Paperback Editions, 2002.

OEDEKOVEN, M.; HERRMANN, W.J.; ERNSTING, C. et al. Patients’ health literacy in relation to the preference for a general practitioner as the source of health information. BMC Fam Pract, n.20, 2019. p.94.

KICKBUSCH, I.; NUTBEAM, D. Advancing health literacy: A global challenge for the 21st century. Health Promot Int,n.15, p.183-184, 2000.

KIRSCH, I.S.; Jungeblut, A.; JENKINS, L.; KOLSTAD, A. Adult Literacy in America: A first look at the findings of the National Adult Literacy Survey. Washington, D.C. NCES, 2002. p.275.

LOYD, J. & WAIT, S. Integrated Care:A guide for policymakers. London: Alliance for Health and the Future, 2005.

MCGANN, J.G. Global Go To Think Tank Index Reports.TTCSP, 2018.

NUTBEAM, D. Health literacy as a public health goal: A challenge for contemporary health education and communication strategies into the 21st century. Health Promot Int, n.15, p.259267, 2000.

REALPE, A. & WALLACE, L. What is co-production? London: The Health Foundation, 2010. SØRENSEN, K.; VAN DEN BROUCKE, S.; FULLAM, J. et al. Healthliteracy and public health: A systematic review and integration of definitions and models. BMC Public Health, n.12, p.80, 2012.

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). Evidence-based policies, programs, and interventions leading to universal health coverage with high quality people-centered and integrated care. Brussels: Vrije Universiteit (Ed.), 2013.

Downloads

Publicado

2020-09-11

Como Citar

OLIVEIRA, H. Z.; LIMA, H. Portugal sobre a literacia em saúde:: resultados de um Think Tank nacional. Revista Fontes Documentais, [S. l.], v. 3, n. Ed. Especial, p. 446–455, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/RFD/article/view/57759. Acesso em: 19 abr. 2024.

Edição

Seção

COMUNICAÇÕES: Comunicação, informação em rede e humanização: novas perspectivas