Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A O&S visa fomentar o diálogo e a inovação sobre a compreensão das organizações, por meio da publicação de pesquisas que agreguem valor à sociedade e que sejam socialmente significativas. A revista publica pesquisa multidisciplinar, interdisciplinar, criativa, crítica, teoricamente orientada, internacional e não tradicional, enraizada em uma ampla variedade de disciplinas, inspirada pela diversidade, aberta à pluralidade epistemológica e metodológica. A O&S pretende ser uma comunidade de aprendizagem composta de autores, revisores, editores e leitores, impulsionada pela paixão por ideias, pela curiosidade intelectual, pelo pensamento crítico e pela adesão aos melhores padrões acadêmicos.

A O&S acolhe dois tipos de artigos: desenvolvimento teórico e investigação empírica. Os artigos empíricos devem ser baseados no trabalho empírico e no processo robusto de teorização para produzir uma forte contribuição aos estudos e práticas organizacionais. Nos artigos empíricos, existe uma interação entre a pesquisa teórica e empírica; elas são mutuamente informativas. Artigos teóricos devem promover a teoria ou o processo de desenvolvimento de teorias sobre organizações, metodologia de pesquisa e/ou questões da sociedade. Artigos teóricos (a) desenvolvem uma nova teoria, (b) desafiam, significativamente, expandem ou esclarecem teorias atuais, (c) sintetizam avanços e idéias recentes em novas teorias, (d) iniciam uma busca por nova teoria ao identificar e delinear, cuidadosamente, um novo problema teórico, ou (e) criam maneiras de melhorar o processo de desenvolvimento teórico.

 

Políticas de Seção

Artigos de desenvolvimento teórico

Artigos teóricos devem promover a teoria ou o processo de desenvolvimento de teorias sobre organizações, metodologia de pesquisa e/ou questões da sociedade. Artigos teóricos (a) desenvolvem uma nova teoria, (b) desafiam, significativamente, expandem ou esclarecem teorias atuais, (c) sintetizam avanços e idéias recentes em novas teorias, (d) iniciam uma busca por nova teoria ao identificar e delinear, cuidadosamente, um novo problema teórico, ou (e) criam maneiras de melhorar o processo de desenvolvimento teórico.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigos de investigação empírica

Os artigos empíricos devem ser baseados no trabalho empírico e no processo robusto de teorização para produzir uma forte contribuição aos estudos e práticas organizacionais. Nos artigos empíricos, existe uma interação entre a pesquisa teórica e empírica; elas são mutuamente informativas.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

O processo de avaliação para publicação de artigos submetidos à O&S passa por cinco etapas.

ETAPA 1 - Avaliação Preliminar

Autore(a)s: Submissão de um artigo conforme os parâmetros exigidos pela revista (condições para submissão). 

Gestor(a) executivo(a): Avaliação de formato (adequação do artigo às regras de normalização e formatação exigidas) e de plágio (uso de sistema de detecção de similaridades). 

Editor(a)-chefe: Avaliação preliminar (em desk) em relação à política editorial (foco, escopo e política de seção) com decisão de rejeição ou encaminhamento para editor(a) associado(a).  Parâmetros de avaliação: O artigo está plenamente alinhado com o foco e escopo da revista? O artigo representa uma contribuição conceitual-teórica robusta, relevante, bem desenvolvida, explicitada, argumentada e fundamentada para o avanço do conhecimento na sua área de especialidade? O artigo demonstra uma forte coerência teórico-metodológica? O artigo está composto (redação, gramática, ortografia, referências bibliográficas, etc.) de acordo com todos os padrões comunicacionais de excelência? 

Editor(a) associado(a): Avaliação preliminar (em desk) com decisão de rejeição ou encaminhamento para revisore(a)s anônimo(a)s (no mínimo duas pessoas especialistas) pelo sistema de dupla revisão cega (double blind review). Parâmetros de avaliação: O artigo representa uma contribuição conceitual-teórica robusta, relevante, bem desenvolvida, explicitada, argumentada e fundamentada para o avanço do conhecimento na sua área de especialidade? O artigo demonstra uma forte coerência teórico-metodológica? O artigo está composto (redação, gramática, ortografia, referências bibliográficas, etc.) de acordo com todos os padrões comunicacionais de excelência?

ETAPA 2 - Avaliação e Revisão Acadêmica

Revisore(a)s anônimo(a)s: Avaliação do artigo (desconhecendo sua autoria) conforme vários parâmetros (contribuição teórico-conceitual, resumo, objetivo de pesquisa, fundamentação teórico-epistemológica, método de pesquisa, análise, apresentação e discussão dos resultados empíricos e/ou teóricos, conclusão, referências, linguagem, estrutura e organização do texto) para produzir comentários e sugestões de aperfeiçoamento.

Editor(a) associado(a): Avaliação a partir das avaliações do(a)s revisore(a)s anônimo(a)s com decisão de rejeição ou encaminhamento das avaliações para os autores produzirem uma versão revisada do artigo.

Autore(a)s: Produção de versão revisada (com visualização de mudanças realizadas no texto por meio de marcas de revisão) com uma carta explicativa e detalhada das mudanças realizadas. 

Gestor(a) executivo(a): Encaminhamento da versão revisada para revisores anônimos, incluindo todas as avalições produzidas no processo, para que revisores possam conhecer as avaliações pretéritas realizadas por outros revisores e pelo editor associado. 

Revisore(a)s anônimo(a)s: Avaliação da versão revisada, considerando as avaliações pretéritas realizadas por outros revisores e pelo editor associado.

Editor(a) associado(a): Avaliação da versão revisada, considerando as novas e antigas avaliações produzidas pelos revisores, com decisão de (a) rejeição, (b) encaminhamento para uma nova rodada de avaliação (revisão da versão revisada) ou (c) aprovação parcial (encaminhamento para a etapa 3). 

ETAPA 3 - Diagramação e Revisão Linguística

Autore(a)s: Diagramação do texto final (aprovado em Etapa 2) de acordo com o modelo visual da revista (Modelo de artigos em português ou Modelo de artigos em inglês), incluindo todas as informações indicadas no modelo, como financiamento, notas, conflito de interesses, contribuição dos autores, nome completo, resumo da biografia, e-mail e ORCID para cada autor, assim como agradecimentos (se necessário).

Revisor(a): Revisão linguística e normativa, produzindo uma versão padronizada do artigo.

Autore(a)s: Revisão da versão padronizada do artigo. 

Revisor(a): Finalização da versão padronizada do artigo.

Gestor(a) executivo(a): Aprovação parcial do artigo e encaminhamento para a etapa 4.

ETAPA 4 - Produção de uma Versão em Língua Complementar

Autore(a)s: Produção de uma versão em língua complementar (inglês ou português) do artigo aceito no final da etapa 3. Essa versão deve ser diagramada (de acordo com o modelo visual da revista - Modelo de artigos em português ou Modelo de artigos em inglês) e certificada por uma organização parceira da O&S ou por uma organização com qualidade reconhecida no ramo linguístico, encaminhando, em anexo, obrigatoriamente, um certificado de qualidade linguística do artigo.

Organização parceira: Se a versão em língua complementar não for produzida e certificada por uma das organizações parceiras da O&S, o(a) gestor(a) executivo(a) enviará o artigo para uma organização parceira avaliar a qualidade e adequação da versão em relação aos critérios de qualidade da revista. Se a organização parceira não aceitar a qualidade linguística do artigo, o(a) gestor(a) executivo(a) informará os autores para providenciarem uma versão adequada do artigo.

Gestor(a) executivo(a): Aprovação parcial do artigo e encaminhamento para a etapa 5.

ETAPA 5 - Difusão e Publicação

Autore(a)s: Produção de um vídeo com duração máxima de 60 segundos, que não ultrapasse 25 MG, no prazo máximo de trinta dias da data de aprovação do artigo na etapa 4. Os autores concordam que o vídeo seja utilizado pela O&S em suas redes sociais, como estratégia de divulgação dos artigos publicados na revista. No vídeo, um ou vários autores do artigo, devem falar sobre sua relevância e sua originalidade. O vídeo não deve explicar a totalidade do artigo, mas incitar as pessoas a se interessarem pela sua leitura.

Editor-chefe: Aprovação final do artigo para publicação.

Gestora executiva: Inclusão do artigo para publicação no próximo número disponível da O&S, fornecendo aos autores uma versão PDF do artigo com informações de ano, volume, numero, paginação e DOI.

 

 

Periodicidade

A O&S é uma publicação trimestral (janeiro, abril, julho e outubro), no contexto do NPGA - Núcleo de Pós-graduação em Administração, uma unidade da Escola de Administração, Universidade Federal da Bahia, Brasil.

 

Política de Acesso Livre

A O&S é totalmente gratuita, desde o processo de submissão de artigos até a publicação e leitura do material publicado. Seu conteúdo pode ser acessado gratuitamente por todas as pessoas. Assim, a O&S busca maximizar o impacto e benefícios da pesquisa ao priorizar um acesso sem barreiras para os resultados, informações e metodologias de pesquisa. O acesso livre reflete a crença fundamental de que o busca pelo conhecimento se fortalece a partir da colaboração, da transparência, da disseminação rápida e da acessibilidade.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração.

 

História da O&S

Fundada em 1993, a O&S foi a primeira revista da área de Administração criada por e dentro de uma universidade federal no Brasil. Além disso, a revista foi audaciosa ao definir seu escopo para além da Administração, considerando que organizações abrangem um contexto mais amplo e multifacetado. Desde do seu início e ao longo dos anos, a revista sempre enfatizou seu caráter aberto, plural e multidisciplinar. Ou seja, sempre abrigou artigos expressando uma diversidade de visões, teorias, metodologias, epistemologias, extrapolando a ortodoxia e valorizando temas inovadores. 

Durante sua trajetória de publicações, muitos foram os temas que ocuparam a atenção de números temáticos (por exemplo, a contribuição de Alberto Guerreiro Ramos, o futebol como organização, o carnaval como organização), bem como personalidades diversas, como o literário João Ubaldo Ribeiro (2006, n.37 e 38). A partir de 2013, a revista começa seu processo de editoração eletrônica, abandonando a publicação impressa e se voltando para a difusão aberta em plataforma digital. A revista se inseriu em bases de dados importantes, acelerou o processo de revisão cega por pares, aprimorou sua qualidade e acentuou sua internacionalização. 

Além da área de Administração, a O&S se destaca nas áreas de História, Sociologia, Psicologia, Ciência Política, Interdisciplinar, Serviço Social, Planejamento Urbano e Regional. A O&S representa e simboliza muito para os pesquisadores brasileiros, no contexto de desenvolvimento da área de Administração e, em específico, no amadurecimento e florescimento do campo de Estudos Organizacionais no Brasil. A O&S tem oferecido, ao longo do tempo, um espaço de expressão para a emergência do diferente, do novo, do inusitado. A revista promove posturas heterodoxas em Estudos Organizacionais, mas sobretudo uma visão da organização na e para a sociedade.

Editores na história da revista:

1993-1996 - Maurício Serva

1996-2013 - José Antonio Gomes de Pinho

2013-2014 - Mônica Mac-Allister

2014-2016 - Antônio Sérgio Araújo Fernandes, Ariádne Scalfoni Rigo e Sandro Cabral

2016-2019 - Ariádne Scalfoni Rigo

 

Ética e Integridade

A O&S é signatária do DORA - The Declaration on Research Assessment - https://sfdora.org

Os artigos submetidos à revista Organizações e Sociedade (O&S), para serem publicados, devem estar em consonância com as diretrizes básicas para a integridade na atividade científica estabelecidas pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq - http://www.cnpq.br/web/guest/diretrizes). A O&S adota ações contra o plágio e contra a má conduta ética (por exemplo, suspeitas de plágio, duplicidade de publicação, alterações na autoria, conflito de interesse, problema ético, fabricação de dados e uso indevido dos artigos pelo avaliador, quando da submissão e, até mesmo, após a publicação do artigo) de acordo com a orientação do Committee on Publication Ethics (COPE - https://publicationethics.org). Em caso de suspeita de má conduta ou dúvidas em relação as boas práticas de publicação na O&S, entrar em contato através do e-mail revistaoes@ufba.br.

Conduta ética da equipe editorial. A equipe editorial da O&S deve:

  • Se responsabilizar por todas as publicações da revista;
  • Se esforçar para atender às demandas dos leitores, autores e avaliadores;
  • Realizar melhoramentos constantes na revista;
  • Zelar pela qualidade dos trabalhos veiculados na revista;
  • Salvaguardar o sigilo da identidade dos avaliadores;
  • Primar pela garantia da liberdade de expressão, atuando de forma íntegra, imparcial, transparente e ágil;
  • Averiguar se os trabalhos publicados estão em consonância com as diretrizes éticas aceitas nacional e internacionalmente;
  • Investigar minuciosamente casos suspeitos de má conduta;
  • Assegurar a condução ética de todo o processo de submissão dos trabalhos, revisão por pares e a publicação na revista.

Conduta ética dos avaliadores. Os avaliadores da O&S devem:

  • Atuar de forma ética, proba e imparcial;
  • Alertar a equipe editorial sobre a ocorrência de trabalho similar já publicado ou em processo de análise em outra revista;
  • Não se valer de informação privilegiada, obtida devido à sua condição de avaliador, para qualquer fim;
  • Manter a confidencialidade do material em avaliação;
  • Zelar pelo cumprimento do prazo de análise dos artigos acordado com a equipe editorial;
  • Comunicar à equipe editorial a ocorrência de conflito de interesse que prejudique a integridade do processo de avaliação.

Conduta ética dos autores. Os autores, ao submeterem trabalhos na O&S, devem:

  • Assegurar a integridade da pesquisa que embasa o artigo;
  • Garantir a autoria e a originalidade do trabalho;
  • Averiguar a correta autenticidade das citações quando se referir a artigos e dados de terceiros;
  • Primar pela redação ética e lisura do seu texto no que tange à propriedade comercial, intelectual ou industrial de terceiro;
  • Testificar que seu artigo não foi submetido à outra revista;
  • Notificar à equipe editorial a detecção de incorreções no artigo e realizar sua célere retificação;
  • Assegurar que todos os autores que assinam o artigo participaram efetivamente da sua elaboração e possuem domínio sobre o seu conteúdo.

Propriedade intelectual. A fim de zelar pela proteção dos direitos intelectuais dos autores, a O&S utiliza a Licença Creative Commons Attribution 4.0 em todos os artigos que publica, salvo casos de designação específica de direitos autorais. A O&S adota o Plagiarism Software 15.5.4 para verificação de plágio e autoplágio em textos submetidos.

 

Indexadores e Diretórios

Scielo - Scientific Electronic Library Online http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_home&lng=pt&nrm=iso

Scopus | Elsevier www.info.sciverse.com/scopus

SPELL - Scientific Periodicals Electronic Library http://www.spell.org.br/

Redalyc.org - Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal http://www.redalyc.org/

EBSCO Information Services  https://www.ebsco.com

Catálogo Latindex - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal http://www.latindex.unam.mx/?opcion=2 http://www.latindex.unam.mx/index.html?opcion=2&subT=&porReg=90

Directorio Latindex - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal http://www.latindex.unam.mx/latindex/directorio.html

DOAJ - Directoryof Open Access Journals http://www.doaj.org/

REDIB - Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico https://www.redib.org/recursos/Record/oai_revista599-organizac%C3%B5es--sociedade

Sumarios.org - Sumários de Revistas Brasileiras http://www.sumarios.org/

Periódicos CAPES - Portal Brasileiro da Informação Científica http://www-periodicos-capes-gov-br.ez10.periodicos.capes.gov.br/index.php?option=com_phome&Itemid=68&

Ulrich's Periodicals Directory http://ulrichsweb.serialssolutions.com/login

Periódicos Eletrônicos da UFBA http://www.portalseer.ufba.br/

Repositório Institucional da UFBA https://repositorio.ufba.br/ri/ https://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/1603

 

Organizações parceiras: Tradução, revisão linguística e diagramação

American Journal Experts - www.aje.com

Caledonia English - www.caledoniaenglish.com.br - krisgillespie@caledoniaenglish.com.br - Contato: Kris Gillespie

Editage - https://www.editage.com.br

Editing Services - Taylor & Francis - https://www.tandfeditingservices.com

Elsevier Author Services - https://webshop.elsevier.com

Good Deal Consultoria Linguística - www.gooddealconsultoria.com - tatiane@gooddealconsultoria.com - Contato: Tatiane Abrantes 

Language Services - SAGE Author Services - http://languageservices.sagepub.com/en/ 

Librum Soluções Editoriais www.librum.com.br - librumeditora@gmail.com

Tikinet www.tikinet.com.br - adm@tikinet.com.br

Wiley Editing Services - wileyeditingservices.com