<B>Alois Riegl e a visibilidade pura: revisitando a obra de um historiador da arte de fins do Século XIX</B>

Autores

  • José D'Assunção Barros Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.9771/2175-084Xrcv.v1i18.6178

Palavras-chave:

Riegl, Artes Visuais, Visibilidade Pura

Resumo

Este artigo busca analisar a obra e abordagem de um dos mais importantes historiadores da Arte de fins do século XIX e princípios do início do século XX: Alois Riegl (1858-1905). O autor é examinado, a princípio, no âmbito e contexto da corrente historiográfica de análise da arte a que pertencia: a escola de Viena de Historiografia da Arte. Esta corrente, cujas bases teóricas ficaram conhecidas como “Teoria da Visibilidade Pura”, será o ponto de partida da análise, antes de adentrarmos a especificidade da obra de Alois Riegl

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José D'Assunção Barros, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Pr4ofessor-Adjunto da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, nos cursos de graduação e pós-graduação em História. Doutor em História pela Universidade Federal Fluminense. Professor-colaborador do Programa de Pós-Graduação em História Comparada da UFRJ.

Downloads

Publicado

2012-12-10

Como Citar

BARROS, J. D. &lt;B&gt;Alois Riegl e a visibilidade pura: revisitando a obra de um historiador da arte de fins do Século XIX&lt;/B&gt;. Cultura Visual, [S. l.], v. 1, n. 18, p. 61–72, 2012. DOI: 10.9771/2175-084Xrcv.v1i18.6178. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/rcvisual/article/view/6178. Acesso em: 23 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos Selecionados / Selected Articles