IKEDA, M. G. PAR e PIQCB: uma análise dos mecanismos automáticos de fomento à produção cinematográfica brasileira. Políticas Culturais em Revista, [S. l.], v. 5, n. 1, p. 170–186, 2012. DOI: 10.9771/1983-3717pcr.v5i1.6051. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/pculturais/article/view/6051. Acesso em: 18 maio. 2024.