Informação e memória: relatos de uma experiência corporal / Information and memory: reports of a bodily experience

Autores

  • Carlos Falci
  • Graziela Andrade

Resumo

Resumo

Rumo aos desafios dos sistemas complexos com os quais estamos imbricados, tem-se a emergência do paradigma processo-informação (Oliveira, 2003) que, diante das escalas macro e microscópicas alcançadas pelas tecnologias atuais, sugere a inexistência do simples, do pronto, de seres humanos cunhados feito moedas. Pretende-se tomar tal paradigma como referência a fim de investigar e analisar uma experiência realizada no I Encontro Interdisciplinar Dança-Cognição-Tecnologia (EiDCT), sob o ponto de vista da informação e da memória. Na experiência em questão quatro performers, em distintos papéis, promoviam uma rede de relações, imagens e movimentos, entre corpos e dispositivos, trama sob a qual pretendemos aqui nos debruçar. A memória, no conjunto descrito, não se reduz ao registro isolado das experiências com cada suporte. Antes, é vista e compreendida como a trama, o relato que surge e, ao mesmo tempo, alimenta o processo-informação com o qual trabalhamos, e que se faz nas conexões que podem ser estabelecidas no processo. Nesse aspecto, usamos o conceito de memória conectiva (Hoskins, 2011), a partir do qual podemos pensar a aparição da memória relacionada a um momento “nodal”, uma situação de conectividade entre elementos humanos e não-humanos.

Palavras-chave: Processo-informação; corpo; memória; memória conectiva.

Abstract

The emergence of process-information paradigm (Oliveira, 2003) arises with the challenge posed by complex systems which we are imbricated with. Considering the micro and macro scales achieved by recent technologies, Oliveira suggests there are no full, completed and simple human beings, like coins. We take this paradigm as reference in order to investigate and analyse an experience carried out in the First Interdisciplinary Dance-Cognition-Technology Meeting, as well as concepts of information and memory. In such experience four performers assumed distinct roles and promoted relations between images, movements, bodies and apparatuses. Our goal is understand such interweaving. Memory, as we understand this concept here, is not reduced to the isolated records of experience through one specific device. Rather, we comprehend memory as the weave, the narrative that arises and feeds the process-information. As such, memory appears with the connections that could be established in this process. So, we use the connective memory concept (Hoskins, 2011) to discuss the arising of memory related to a nodal moment, to a connectivity moment between humans and non-humans elements.

Keywords: Process-information; body; memory; connective memory.


Publicado

2016-12-23

Como Citar

Falci, C., & Andrade, G. (2016). Informação e memória: relatos de uma experiência corporal / Information and memory: reports of a bodily experience. Revista Eletrônica MAPA D2 - Mapa E Programa De Artes Em Dança (e Performance) Digital, 3(2). Recuperado de https://periodicos.ufba.br/index.php/mapad2/article/view/20575

Edição

Seção

Artigos