[1]
M. Cavalcante Rios, “A racionalidade da mudança de crença científica em Th. Kuhn”, R.A., nº 11, p. 89–98, abr. 2022.